Tupy conclui compra de duas fundições do México

Área de acabamento e controle de qualidade de blocos em Joinville (SC)

Por REDAÇÃO AB
  • 17/04/2012 - 12:36
  • | Atualizado há 2 months
  • um minuto de leitura

    A Tupy anunciou a conclusão do processo de aquisição de duas fundições do México, Cifunsa Diesel e Technocast, localizadas nas cidades de Ramos Arizpe e Saltillo, que eram controladas pelo Grupo Industrial Saltillo (GIS). A transação foi concluída na segunda-feira, 16, quando a soma de US$ 439 milhões foi paga em contrapartida à transferência das ações de emissão das sociedades titulares das empresas. O pagamento ainda será submetido à ratificação da assembleia geral de acionistas da Tupy.

    A aquisição das duas fundições pela Tupy foi anunciada em novembro de 2011 (leia aqui). A Technocast tinha como sócia minoritária (33%) uma empresa subsidiária da norte-americana Caterpillar, que também vendeu sua participação.

    As duas empresas produzem blocos e cabeçotes de ferro fundido utilizados na fabricação de motores para veículos de passeio e comerciais, máquinas agrícolas e de construção e motores estacionários. Quando anunciou a compra no ano passado, a Tupy informou que o objetivo era internacionalizar sua atuação e tornar-se a maior fabricante de blocos e cabeçotes de ferro fundido do mundo, além de aproximar-se dos clientes do setor automotivo baseados na América do Norte.

    Nos últimos três anos, a empresa investiu R$ 500 milhões em fundição, usinagem e melhorias ambientais em suas plantas brasileiras localizadas em Joinville (SC) e em Mauá, na região do ABC Paulista. Um dos principais investimentos é a nova fundição de blocos e cabeçotes em Joinville, que vai custar mais de R$ 50 milhões e estará em pleno funcionamento até dezembro de 2012. Na América do Sul a Tupy fornece para fabricantes de componentes, de motores e para a maioria das montadoras instaladas no País.