Ford suspende produção na América do Sul devido ao coronavírus

Decisão afeta unidades da empresa no Brasil e na Argentina. Retomada está prevista para acontecer em abril

Por REDAÇÃO AB
  • 23/03/2020 - 16:55
  • | Atualizado há 2 months
  • um minuto de leitura

    A pandemia da Covid-19 segue paralisando linhas de produção da indústria automotiva em todo o mundo e amplia seus efeitos também na América do Sul. A Ford anunciou a interrupção temporária de suas fábricas no Brasil e na Argentina a partir da segunda-feira, 23. Segundo a empresa a medida tem como objetivo principal contribuir para manter a integridade dos trabalhadores, reduzir a proliferação do vírus e ajustar a produção à queda na demanda provocada pela situação emergencial.


    “Essa ação adicional ajudará a reduzir o risco de disseminação da Covid-19, ao mesmo tempo em que potencializa a saúde dos nossos negócios durante esse período desafiador para toda a economia”, afirmou Lyle Watters, presidente da Ford América do Sul.

    No País, a interrupção das atividades vai afetar as fábricas de Camaçari (BA) e de motores em Taubaté (SP), bem como a planta da Troller em Horizonte (CE). A montadora também anunciou que pretende retomar o trabalho a partir de 13 de abril. Já na unida de General Pacheco, na Argentina, a suspensão passa a valer a partir do dia 25 e o retorno às está previsto para o dia 6 de abril.

    “Continuaremos trabalhando em estreita colaboração com os sindicatos e outros parceiros locais para explorar protocolos e procedimentos adicionais para ajudar a impedir a disseminação do vírus e definir novas práticas de trabalho para nossos planos de retorno das operações com base no que aprendemos”, concluiu Watters.