Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 24/03/2011 | 14h28

Peugeot cria revisões gratuitas para o 408

Estratégia é oferecer vantagem de pós-venda para atrair clientes.

Pedro Kutney, AB

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Pedro Kutney, AB

A Peugeot vai intensificar com seu pós-venda a ofensiva de vendas do recém-lançado sedã 408, com a oferta das três primeiras revisões gratuitas, aos 10 mil, 20 mil e 30 mil quilômetros – o que praticamente cobre todos os três anos de garantia do veículo. Assim o proprietário não gastará nada nos serviços e nem na troca programada de peças. A vantagem começa a ser anunciada pela marca nesta sexta-feira, 25.

“Conseguimos criar esse diferencial para o modelo depois de longas negociações com os concessionários”, explica Osvaldo Novais, recém-nomeado diretor de peças e serviços da Peugeot do Brasil. O executivo conta que, pelo acordo, as oficinas autorizadas vão garantir a mão de obra sem custo e a Peugeot fornecerá as peças necessárias.

Segundo calcula Novais, “85% dos cerca de 2 mil itens do 408 estão cobertos” para trocas por quebras eventuais, em serviços realizados dentro da garantia de três anos, ou nas reposições das três primeiras revisões programadas, que envolvem principalmente ajustes e substituição de filtros, óleo, pastilhas de freio, rodízio de pneus etc. “Só ficam de fora as peças de desgaste normal, como pneus”, diz.

Com essa estratégia, a Peugeot ataca diretamente a maior desvantagem da oferta de garantias alongadas para dois ou três anos, como vem acontecendo já com vários modelos no mercado brasileiro. Isso porque, para não perder a garantia do veículo, o proprietário fica obrigado a fazer todas as revisões nas concessionárias, o que acarreta custos proporcionais maiores com as trocas programas de componentes, pois com a garantia mais longa o carro fica “preso” às oficinas autorizadas e também por períodos mais longos. Com a gratuidade das três primeiras revisões oferecida agora pela Peugeot, esse “efeito colateral” indesejável das garantias estendidas desaparece.

Ambição

Oferecendo peças e serviços gratuitos, a Peugeot coloca dinheiro do próprio caixa e dos concessionários para incrementar as vendas do 408, que chega em um segmento de mercado já bastante congestionado no País por uma série de lançamentos já feitos e previstos. A meta da marca é ficar com 10% do segmento e vender algo em torno de 13 mil unidades este ano, o que colocaria o 408 na quarta ou quinta posições no ranking dos sedãs médios mais vendidos do Brasil. E se eventualmente os clientes quiserem comprar mais do que isso a PSA terá de se desdobrar para aumentar a produção do modelo na fábrica de El Palomar, na Argentina.



Tags: PEugeot, 408, garantia, revisão, gratuita, concessionária.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência