Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Elétricos e híbridos | 20/10/2010 | 10h23

Além do Leaf e Volt, dezenas de elétricos a caminho

Há muitos planos, com subsídios de fábricas e governos.

Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Paulo, Ricardo Braga, AB

Ao lado do Nissan Leaf e do Chevrolet Volt mais duas dezenas de carros elétricos estão na fila para chegar ao mercado norte-americano em três anos, com a ajuda dos US$ 5 bilhões em incentivos fiscais prometidos pelo governo Obama aos compradores. Os fabricantes lutam para ganhar a dianteira nessa corrida tecnológica e também investem pesado para dominar tecnologias eletroeletrônicas e a produção de baterias eficientes.

Matéria publicada pelo Valor Econômico indica que há expectativa da chegada de um milhão de carros híbridos ou puramente elétricos ao mercado americano dentro dos próximos cinco anos. Mas existem esforços importantes também em outras partes do mundo. Um dos entusiastas pela eletrificação é Carlos Ghosn, que comanda a aliança Renault Nissan. Para ele, em 2020 nada menos que 10% dos veículos novos serão elétricos. Para outros, é um exagero.

A Nissan quer vender 200 mil exemplares do seu elétrico Leaf nos Estados Unidos até o final de 2013, uma meta que muitos colocam em dúvida apesar do incentivo fiscal de US$ 7,5 mil oferecido ao veículo pelo governo. Já a Ford acredita que o futuro próximo trará oportunidade para motores a gasolina mais eficientes, como seu Ecoboost, mas trata de ganhar espaço com híbridos, que deverão ganhar uma versão plug in.

A análise publicada pelo Valor indica que a Ford espera que, em 2020, apenas 1% a 2% das suas vendas sejam de carros puramente elétricos, enquanto 10% a 15% sejam de híbridos com baterias recarregáveis. A Honda promete um elétrico em 2012. A Toyota cria uma versão elétrica do utilitário esportivo RAV4 com a Tesla Motors e um elétrico subcompacto a partir do IQ. A Ford terá uma versão elétrica do Focus e de uma van.

Lançamentos

A revista Wired de setembro avalia o desempenho e as propostas de carros elétricos que estão chegando ao mercado. O Volt, um plug in, custará US$ 41 mil, mas com os incentivos do governo chegará a US$ 33,5 mil. O carro terá autonomia para 40 milhas com baterias e 150 cavalos, acelerando de zero a 60 km/h em 8 a 9 segundos.

O Nissan Leaf custará US$ 32.780 (US$ 25.280 após créditos fiscais), terá autonomia para 100 milhas e potência de 107 cavalos. Demora 10 segundos para fazer de zero a 60 km/h.

Foto: Nissan Leaf.



Tags: Leaf, Volt, Nissan, Renault, híbrido, elétrico, carro elétrico.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV