Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

| 06/11/2008 | 00h00

Comportamento do varejo foi previsto pela Fenabrave

“Os números estão confirmando nossa projeção de 18% a 20% de crescimento para o ano, divulgada bem antes da crise. Será um crescimento bastante razoável”, afirmou Sergio Reze, presidente da Fenabrave.

Automotive Business

“Os números estão confirmando nossa projeção de 18% a 20% de crescimento para o ano, divulgada bem antes da crise. Será um crescimento bastante razoável”, afirmou Sergio Reze, presidente da Fenabrave. Para ele, a queda nos emplacamentos em outubro não deve modificar as projeções feitas pela entidade para 2008. “A queda registrada nos emplacamentos se deve mais à restrição do crédito do que à falta de clientes. Temos clientes querendo comprar, mas faltam recursos que não estão sendo liberados pelos bancos. No setor de motos, por exemplo, onde a queda nas vendas superou 18% em outubro, o volume de cadastros de financiamento rejeitados pelos bancos tem sido expressivo, o que vem dificultando o desempenho deste segmento”, salienta.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência