Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Uso de OnStar em modelos Chevrolet cresce 80% em um ano

Tecnologia | 10/12/2020 | 17h48

Uso de OnStar em modelos Chevrolet cresce 80% em um ano

Atualmente, o sistema de conectividade está em 215 mil veículos no Brasil

REDAÇÃO AB

O número de veículos Chevrolet equipados com o sistema de conectividade OnStar cresceu 80% no último ano e hoje equipa 215 mil veículos da General Motors no Brasil. O sistema estreou por aqui há cinco anos com o Cruze, primeiro carro do País a oferecer um chip próprio para transmissão de dados. Na América do Sul, esse número se aproxima de 350 mil unidades.

Entre as funcionalidades, o sistema é capaz de informar uma central automaticamente em caso de envolvimento em um acidente grave para que providenciem resgate emergencial. Além disso, também permite ao motorista comandar remotamente funções do veículo por meio de um aplicativo, entre outros serviços.

O sistema também oferece wi-fi nativo e está disponível para os Onix, Tracker, S10, Trailblazer, Camaro e Cruze. Segundo a GM, a utilização mensal da internet em seus carros cresceu 30 vezes em 2020 apenas no Brasil.

“As pessoas estão cada vez mais conectadas e isso exige uma maior quantidade de bites. O consumidor também está buscando a máxima qualidade de internet possível, inclusive no automóvel, onde a velocidade e o deslocamento afetam a estabilidade do sinal do celular”, explica Rosana Herbst, diretora de serviços conectados da GM América do Sul.

Atualmente, o porcentual de adesão ao OnStar por modelos novos vendidos pela GM é de 88%.



Tags: Conectividade, Chevrolet, GM, General Motors, OnStar.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência