Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Hylário Zen deixa legado de empreendedorismo

Carreira | 16/10/2020 | 19h30

Hylário Zen deixa legado de empreendedorismo

Morte repentina interrompe trajetória do mecânico que fundou a Zen

REDAÇÃO AB

Um infarto na noite da quinta-feira, 15, colocou fim repentino à admirável história de empreendedorismo de Hylário Zen, que aos 91 anos de idade e com boa saúde era um dos poucos remanescentes pioneiros da indústria nacional de autopeças, que em sua trajetória profissional foi de humilde operário mecânico a industrial de sucesso, fundador da Zen – hoje um dos maiores fabricantes e exportadores mundiais de pinos impulsores de motores de partida.

“As interações com o Sr. Hylário foram sempre experiências pessoais e profissionais muito gratificantes. Sua personalidade será sempre lembrada e sua ausência sentida. Da iniciativa empreendedora dos Srs. Hylário e Nelson criou-se não só uma grande empresa, mas uma marca que se tornou mundialmente conhecida. Sem dúvida é uma imensa perda para todo time da Zen e para a comunidade de Brusque e de Santa Catarina. Fica a missão de perpetuar na empresa seus valores e seu espírito empreendedor”, declarou em nota Gilberto Heinzelmann, presidente e CEO da ZEN S.A.

Nascido em 1928 em Brusque, Hylário Zen iniciou sua carreira aos 14 anos como carregador de espulas na tradicional indústria têxtil que na época dominava o cenário industrial da pequena cidade. Também foi ferreiro e mecânico na antiga fábrica de tecidos Carlos Renaux. Em 1950 mudou-se para São Paulo em busca aperfeiçoamento técnico no que mais gostava: a mecânica.

Na capital paulista trabalhou como mecânico em empresas diversas até fundar, ao lado do irmão Nelson, em 1960, a Irmãos Zen – atualmente a Zen S.A. Indústria Metalúrgica. A pequena fábrica produzia inicialmente peças para rádios, até voltar seu foco em 1963 ao mercado de autopeças com o que é seu principal produto até hoje, os impulsores de motores de partida. Com o rápido crescimento dos negócios, os Zen decidiram retornar às origens, realocando a fábrica para Brusque, que foi inaugurada na cidade em 1975.

Empreendedor irrequieto, Hylário fundou em Brusque outras empresas de sucesso ao longo de sua trajetória, como o Hotel Monthez em 1992 – até hoje o principal da cidade – e sua própria cervejaria artersanal, a Zehn Bier, em 2003, já aos 75 anos de idade fazendo jus aos antepassados alemães.

O empresário também manteve vida social, política e associativa intensa em Brusque. Foi presidente da Associação Empresarial de Brusque (Acibr) de 1993 a 1996 e prefeito da cidade no mandato 1997-2000.

Hylário deixa sua esposa Evelina, com quem era casado desde 1955, além de seis filhos, 15 netos e oito bisnetos. A Prefeitura de Brusque emitiu nota de pesar e decretou luto oficial de sete dias na cidade, “por seus feitos como homem público e liderança empresarial e social”.



Tags: Hylário Zen, Zen, morte, falecimento, indústria, autopeças.

Comentários

  • AlidorLueders

    HilarioZen. Grande empreendedor, político respeitado, pessoa admirável, pai responsável. Tive orgulho de conhecê-lo e poder conviver com o seu Hylario em sua empresa Zen e em alguns momentos no seio familiar. Saudades ficarão, mas o meu aprendizado perdurará.

  • AlidorLueders

    Tiveoportunidade de conviver com o sr Hylario durante alguns anos no Conselho de Administração da empresa Zen S.A., e também em convívio familiar. Considero-o um grande empreendedor buscando continuado crescimento e desenvolvimento empresarial, líder político responsável, , pai de família afetuoso e integrador e respeitado membro da comunidade, enaltecendo e valorizando o círculo de amigos. Abs

  • VeraM Zen Zucco

    Excelentetexto, retratou muito bem o grande homem que foi meu pai. Obrigada

  • JorgeGorgen

    Quandovivi em SC, entre os anos 1980 e 1990, conheci a Metalúrgica Zen e o senhor Hylario. Como repórter, eu o entrevistei algumas vezes. Sem dúvida fará falta para à indústria automotiva brasileira. Grande empreendedor. Em momentos como o atual, de crise econômica e social, conversar com Hylario Zen traria luz e serenidade. Homem de trabalho. Assim será lembrado.

  • SILVIOBARTOLETTI

    Apesarde não ter tido a oportunidade de conhecê-lo pessoalmente, mas conhecendo sua empresa, desde 1974, tenho orgulho de ter participado como fornecedor de uma empresa muito bem administrada, nunca parou de crescer e seu legado vai fazer com que os sucessores continuem na mesma trajetória vitoriosa. Meus sinceros sentimentos à família Zen.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência