Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Kia apresenta plano ambicioso de expansão para elétricos
Kia Motors vai lançar sete veículos elétricos até 2027

Estratégia | 21/09/2020 | 19h05

Kia apresenta plano ambicioso de expansão para elétricos

Montadora pretende lançar sete BEVs até 2027; meta é que respondam por 25% das vendas da marca até 2029

REDAÇÃO AB

A Kia Motors tem planos ambiciosos com relação aos automóveis elétricos e pretende se tornar líder nesse mercado. Esse, pelo menos, é o objetivo anunciado pelo CEO da empresa, Ho Sung Song, em um evento realizado na sede da montadora na Coreia, em Hwasung, na quarta-feira, 16. Foi apresentado um teaser com sete futuros veículos elétricos a bateria (BEV, na sigla em inglês) que serão lançados até 2027. A estratégia ainda prevê parcerias com empresas de recarga ao redor do planeta.

“Vendemos mais de 100 mil BEVs em todo o mundo desde a introdução de nosso primeiro veículo do tipo produzido em massa em 2011, o Kia Ray EV”, destacou o executivo. “Desde então, começamos a introduzir uma gama de novos BEVs para mercados globais e planos para acelerar esse processo nos próximos anos; ao reorientar nossos negócios para a eletrificação, pretendemos que os BEVs representem 25% de nossas vendas mundiais totais até 2029”, completou.

No início deste ano, a Kia anunciou sua estratégia, denominada Plano S, que define a mudança de seus negócios para os veículos elétricos com bateria e soluções de mobilidade, inovando em áreas como produção, vendas e serviços. Para isso, a empresa está passando por uma grande transformação, e o primeiro veículo a ser lançado, de acordo com o plano, será o CV (nome código), previsto para o próximo ano, que trará um novo design para simbolizar a transição da marca.

Ainda de acordo com o Plano S, a Kia pretende atuar na expansão da infraestrutura de carregamento elétrico. Na Coreia do Sul, por exemplo, a montadora vai utilizar sua rede de concessionárias e de centros de serviço para fornecer aproximadamente 1.500 pontos de recarga até 2030. Além disso, terá mais de 2.400 carregadores na Europa e outros 500 na América do Norte, também graças à parcerias com seus revendedores. A empresa ainda estuda associações estratégicas com outras companhias, a fim de garantir a ampliação da oferta de locais de recarga de elétricos. Também está nos planos a criação de serviços de assinatura, para oferecer opções diferenciadas de aquisição aos seus clientes, assim como programas de leasing, aluguel de baterias e outros negócios.

Depois de criar a Purple M, uma startup de serviços de mobilidade na Coreia do Sul em julho deste ano, a Kia Motors planeja ampliar a colaboração com organizações governamentais para expandir essa cooperação a outras áreas, como a conversão de veículos de transporte público para a propulsão elétrica e a construção de postos de recarga de baterias.



Tags: Elétricos, Kia Motors, bateria, Plano S, Ho Sung Song, Coreia do Sul, BEV.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência