Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Linha 2021 do Honda WR-V traz nova versão, poucas alterações e baixa ambição

Lançamentos | 17/09/2020 | 16h51

Linha 2021 do Honda WR-V traz nova versão, poucas alterações e baixa ambição

Visual do modelo segue praticamente o mesmo; configuração de entrada LX é bem equipada e parte de R$ 83,4 mil

WILSON TOUME, PARA AB

A Honda apresentou na quinta-feira, 17, a linha 2021 do seu SUV compacto WR-V – lembrando que no Brasil as montadoras vendem como SUV qualquer veículo com maior altura do solo, estilo sisudo e porta traseira. Visualmente, o novo modelo traz poucas mudanças cosméticas em relação ao atual (lançado em 2017), e não há nada de novo no motor e transmissão.

Primeiro carro projetado pela engenharia da Honda no Brasil, baseado no Fit, o WR-V nunca teve desempenho comercial expressivo. Ao que parece, as ambições continuam baixas em relação ao modelo. Diego Fernandes, gerente geral comercial, limitou-se a dizer que que a montadora espera recuperar o mesmo volume de antes da pandemia, que era de aproximadamente 1 mil unidades/mês (em agosto, foram emplacados 866 veículos, segundo a Fenabrave). O executivo lembrou ainda que o WR-V responde por 22% das vendas de SUVs da marca no Brasil, em família integrada também pelo HR-V e o importado CR-V.

Já quando questionado sobre a possibilidade de chegada da nova geração do Fit – lançado recentemente no exterior – e a continuidade do WR-V no mercado brasileiro, Ariel Mogór, supervisor de planejamento de produto da Honda do Brasil explicou que a montadora não comenta seus planos futuros, mas que o SUV compacto está garantido no portfólio da marca. “O WR-V possui função estratégica em nosso line-up, ao lado do HR-V, atendendo a um público que é muito importante para nós”, afirmou.

POUCAS MUDANÇAS



A linha 2021 do Honda WR-V estará à venda nas concessionárias da marca a partir de outubro e os preços sugeridos são: R$ 83,4 mil para a versão de entrada LX, R$ 90,7 mil para a intermediária EX e R$ 94,7 mil para a topo da gama, EXL. A mudança visual exterior restringe-se à grade dianteira – que agora exibe lâminas horizontais e barra cromada ligeiramente mais estreita – e ao para-choque traseiro, que ficou 67 mm mais saliente. Já o friso localizado acima da placa, que antes era cromado, agora vem pintado na cor da carroceria.

As versões EX e EXL passam a contar com LEDs nos faróis (principais e auxiliares), enquanto a luz de condução diurna – igualmente de LED – agora é item de série em todas as versões. Controle de estabilidade e de tração, assistente de partida em rampa e alerta de frenagem de emergência também foram incorporados a todas as configurações do modelo.

Outra novidade na linha WR-V 2021 é a versão de entrada LX, que traz um bom número de equipamentos de série, com destaque para ar-condicionado, faróis com acendimento automático e ajuste de altura do facho, luzes de neblina, rodas de liga leve de 16 polegadas e câmera de ré.

A versão EX incorpora os já mencionados faróis e lanternas de LED, airbags laterais, ar-condicionado automático e borboletas junto ao volante para troca de marchas, além da central multimídia com tela de sete polegadas e sensores de manobra dianteiros e traseiros.

Por fim, a topo de linha EXL traz como destaques seis airbags, bancos revestidos de couro, central multimídia com navegador incorporado e retrovisor interno eletrocrômico como destaques.


Por dentro, acabamento mais requintado na versão EXL

O conjunto mecânico do WR-V não sofreu alterações, segue com o motor 1.5 i-VTEC flex, com 116 cavalos e 15,3 kgfm (com etanol), acoplado ao câmbio CVT continuamente variável. Da mesma maneira, a suspensão reforçada e com maior distância em relação ao solo (207,3 mm) não passou por modificações.

Todas as versões também contam com o sistema Magic Seat, que permite adotar diferentes configurações do espaço interno deslocando e dobrando os bancos, uma das características mais apreciadas do modelo, assim como do Fit, veículo do qual o WR-V deriva.



Tags: Lançamentos, Honda, WR-V, SUV compacto, Fit, Diego Fernandes, Aiel Mogór.

Comentários

  • Airplane

    Tinhaa esperança que a linha 2021 viria totalmente renovada, como na Europa e Ásia, com o Fit ( Jazz ) Crosstar no lugar do WR-V ! Infelizmente não aconteceu. Uma pena!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência