Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
GM e Nikola se unem para desenvolver veículos elétricos; o primeiro será uma picape
Projeto da picape Nikola Badger, primeiro modelo a contar com a parceria da GM

Internacional | 09/09/2020 | 16h46

GM e Nikola se unem para desenvolver veículos elétricos; o primeiro será uma picape

Negócio envolve participação de 11% da GM na Nikola por US$ 2 bilhões

REDAÇÃO AB

A GM e a Nikola Corp anunciaram uma nova parceria estratégica para o desenvolvimento de veículos elétricos nos Estados Unidos em um negócio que envolve a compra de 11% das ações da fabricante de veículos pela General Motors no valor de US$ 2 bilhões. Com isso, a GM terá o direito de nomear um diretor para o conselho da Nikola.

Em comunicado, as empresas informam que se comprometem a trabalhar em conjunto em diferentes modelos, sendo o primeiro deles a picape Nikola Badger com início da produção previsto para o fim de 2022.

Pelo acordo, a GM irá projetar, homologar, validar e fabricar tanto os veículos quanto as baterias Ultium e a célula de combustível Hydrotec, ambas já em desenvolvimento. Além da picape Badger, o acordo prevê os veículos modelos elétricos Nikola One, Nikola Two, Nikola Tre e NZT.

Por sua vez, a Nikola será a responsável pelas vendas e marketing, mantendo sua marca na picape e demais modelos. Anunciada pela primeira vez em10 de fevereiro deste ano, a picape 100% elétrica será apresentada no início de dezembro durante o Nikola World 2020, no Arizona. Segundo a empresa, o local de produção da picape será confirmado posteriormente.

Na nota, a GM diz que espera receber mais de US$ 4 bilhões entre o valor patrimonial das ações, o contrato de produção do Badger, contratos de fornecimento de baterias e células de combustível e créditos EV retidos durante toda a vida útil do contrato.

“Esta parceria estratégica com a Nikola, um disruptor líder da indústria, continua a implantação mais ampla da General Motors de sistemas totalmente novos de bateria Ultium e células de combustível Hydrotec. Estamos aumentando nossa presença em vários segmentos de veículos elétricos de alto volume ao mesmo tempo em que construímos escala para reduzir os custos da bateria e da célula de combustível e aumentar a lucratividade”, afirmou a presidente e CEO global da GM, Mary Barra.



“A Nikola é uma das empresas mais inovadoras do mundo e a General Motors é uma das maiores empresas de engenharia e manufatura do mundo. Você não poderia sonhar com uma parceria melhor do que esta", disse o fundador e presidente executivo da Nikola, Trevor Milton. "Ao nos unirmos, obtemos acesso para validar todos os nossos programas. Com isso, obteremos imediatamente décadas de conhecimento e fabricação em propulsão para veículos elétricos e engenharia de classe mundial trazendo confiança ao investidor”.

Segundo a Nikola, a picape Badger terá autonomia de 950 quilômetros, alcance maior do que a Cybertruck, picape elétrica apresentada pela Tesla no ano passado, que tem cerca de 800 km. Por enquanto, nenhuma picape 100% elétrica está disponível no mercado norte-americano.



Tags: GM, General Motors, Nikola, picape elétrica, negócio, compra, desenvolvimento, parceria, acordo.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência