Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Renault e Lear passam a integrar o Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+

Trabalho | 30/07/2020 | 19h54

Renault e Lear passam a integrar o Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+

Organizações são pioneiras no setor automotivo ao assinar compromissos para fomentar a diversidade e a inclusão

GIOVANNA RIATO, AB

A Renault e a Lear são as primeiras empresas do setor automotivo a integrarem o Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+. Criado em 2013, o projeto é um espaço de troca e articulação entre organizações pela promoção dos direitos humanos a pessoas com diferentes identidades de gênero e orientações sexuais.



Como integrante do Fórum, Renault e Lear tornaram-se signatárias dos 10 Compromissos da Empresa com a Promoção dos Direitos LGBTI+. A carta demonstra o engajamento das companhias em construir ambientes acolhedores à diversidade encontrada na sociedade.

Reinaldo Bulgarelli, secretário executivo do Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+, aponta que, ao entrar para a instituição, as duas empresas tornam-se pioneiras no setor automotivo.

“Ter a Renault como primeira montadora do Fórum é uma sinalização muito bacana a toda a indústria. A Lear é uma empresa que está próxima de nós há algum tempo e fiquei muito feliz com a postura deles de liderar este movimento e tornar-se signatária”, disse ao ser procurado pela reportagem.



Na Renault, a assinatura do documento veio acompanhada da criação do grupo de afinidade Proud@Renault, dedicado a desenhar ações afirmativas e a fomentar a inclusão.

Bulgarelli participou do encontro de junho da Rede AB Diversidade, projeto de Automotive Business que trabalha para agregar, apoiar e catalisar atores e ações que promovam a diversidade estrutural e a inovação inclusiva no setor automotivo.

"Fazer parte do Fórum significa não apenas olhar para dentro da empresa em busca de aprimorar suas práticas de gestão, mas ajudar que o ambiente de negócios brasileiro evolua na direção do respeito e promoção dos direitos humanos LGBTI+”, apontou em comunicado distribuído pela Renault.



- Faça aqui o download da Cartilha de Boas Práticas em Diversidade no Setor Automotivo






Tags: Renault, Lear, diversidade e inclusão, Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+, LGBTI+.

Comentários

  • Rafael

    Umapena que a Renault demitiu 747 pais e mães de família, dentre os quais pelo menos 40% estavam em algum tipo de tratamento de saúde. Falta coerência!

  • Carmenda Silva Vieira Tatibana

    Comapoio a diversidade, todos ganham!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência