Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Governo francês garante linha de crédito de € 5 bilhões à Renault
O presidente do conselho Jean-Dominique Senard e a CEO interina Clotilde Delbos durante anúncio do plano de reestruturação do Grupo Renault

Indústria | 03/06/2020 | 21h00

Governo francês garante linha de crédito de € 5 bilhões à Renault

Aprovação vem após companhia anunciar corte de 15 mil empregos e fechamento de fábricas

REDAÇÃO AB



O Grupo Renault anunciou na quarta-feira, 3, que obteve a aprovação de linha de crédito limitada a até € 5 bilhões, que tem a garantia do governo da França junto a um consórcio formado por cinco bancos: BNP Paribas, Crédit Agricole, HSBC France, Natixis e Société Générale. A concessão do empréstimo garantido pelo Estado francês era negociando há meses como condição essencial para ajudar a companhia a superar seus prejuízos, acumulados desde o ano passado e aprofundados pela severa crise econômica provocada pela pandemia de coronavírus.

A aprovação da linha de crédito estava condicionada a um plano de reestruturação que a Renault apresentou semana passada com cortes de custos fixos anuais de € 2 bilhões nos próximos três anos, envolvendo a demissão de 15 mil empregados no mundo todo (4,6 mil deles na França) e redução de 4 milhões para 3,3 milhões na capacidade global de produção, com fechamento ou redução de atividades em seis de suas 14 fábricas de veículos e componentes somente na França. O socorro estatal é parte de um programa de € 8 bilhões anunciado pelo governo francês (que tem 15% do controle acionário da Renault) para recuperar a indústria automotiva do país.

A Renault poderá fazer uso no todo ou em parte da linha de crédito para financiar suas necessidades de liquidez até 31 de dezembro de 2020. Os recursos poderão ser sacados de uma só vez ou em vários aportes. Cada parcela sacada tem vencimento inicial em 12 meses, com possibilidade de prorrogação por até três anos. O governo da França é fiador de até 90% do montante total do empréstimo.



Tags: Grupo Renault, França, governo francês, linha de crédito, empréstimo, bancos, cortes, demissões, indústria, BNP Paribas, Crédit Agricole, HSBC France, Natixis, Société Générale, Covid-19, pandemia, coronavírus.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência