Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Volkswagen retoma produção na Argentina e no Paraná
Volkswagen retoma produção da picape Amarok na Argentina

COVID-19 | 18/05/2020 | 19h00

Volkswagen retoma produção na Argentina e no Paraná

Linha de Pacheco voltou a produzir a picape Amarok; em São José dos Pinhais é feito o T-Cross

REDAÇÃO AB



A Volkswagen retomou na segunda-feira, 18, a produção de mais duas de suas seis fábricas na América do Sul. São José dos Pinhais (PR) foi a primeira planta brasileira do grupo a voltar a operar, com a fabricação em dois turnos do SUV T-Cross, enquanto as unidades paulistas de São Berardo do Campo, Taubaté e São Carlos só retornam ao trabalho no próximo dia 25. Na Argentina, a fábrica de transmissões de Córdoba foi a primeira na região a ser reaberta, no fim de abril (29), e agora foi a vez de Pacheco, na Grande Buenos Aires, recomeçar a produzir a picape Amarok.



A Volkswagen recebeu autorização para reiniciar atividades na fábrica de Pacheco de três esferas governamentais da Argentina: do Ministério do Desenvolvimento Produtivo, do governo da província de Buenos Aires e do município de Tigre. Foi estabelecido um cronograma progressivo de retorno à produção, seguindo o mesmo protocolo de saúde e segurança já implementado no fim de abril na planta de Córdoba.

Segundo a fabricante, o protocolo foi adotado com base nas experiências do Grupo Volkswagen em suas fábricas na China e Alemanha, nas recomendações dos governos provincial e municipal, e conta com o aval do SMATA (Sindicato de Mecánicos y Afines del Transporte Automotor de la Republica Argentina). As medidas incluem recepientes de desinfetantes em vários pontos, câmeras térmicas e termômetros infravermelhos para medir a temperatura periodicamente dos empregados, uso obrigatório de máscaras descartáveis e respeito a uma distância de 1,5 metro entre as pessoas, entre outros. A equipe administrativa da unidade continua em trabalho remoto (home office).

INVESTIMENTOS DO PROJETO TAREK



A fábrica de Pacheco tem pouco mais de 3,7 mil funcionários e produz a picape Amarok, exportada para 35 destinos no mundo. A unidade está em processo de transformação, com investimento de US$ 650 milhões para modernização e início da produção até o fim do ano de um novo SUV médio-compacto, conhecido até o momento por Projeto Tarek, sobre a plataforma global MQB A – a mesma já adotada no Brasil para Polo, Virtus, T-Cross e o futuro Nivus.

O programa inclui a instalação de nova cabine de pintura a base d’água, a primeira e única no país que usa tecnologia Primerless+, que permite economia média de 80% no consumo de água, energia e redução substancial na emissão de partículas.



Tags: Volkswagen, fábricas, produção, indústria, Argentina, Pacheco, Amarok, São José dos Pinhais PR, T-Cross, pandemia, coronavírus, Covid-19.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência