Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
VWCO vende primeiro caminhão produzido após retomada da fábrica

Negócios | 12/05/2020 | 19h13

VWCO vende primeiro caminhão produzido após retomada da fábrica

Modelo Delivery 9.170 é adquirido por prestadora de serviço em rodovias

REDAÇÃO AB

A Volkswagen Caminhões e Ônibus – VWCO – vendeu o primeiro caminhão montado em sua fábrica de Resende (RJ) após a retomar a produção local, em 27 de abril. O modelo, um Delivery 9.170, está em fase de implementação e será entregue para a Lucca Jr Eireli, de Ourinhos (SP), prestadora de serviço para concessionárias de rodovias. O veículo faz parte de um lote de dez veículos da marca, incluindo o Constellation 17.190, equipado como caminhão pipa, e que entrarão em operação nos próximos meses.


O veículo prestará serviços em rodovias no interior de Minas Gerais: a empresa Lucca Jr Eireli venceu a concorrência para assumir o suporte rodoviário na concessão Ecovias do Cerrado, que liga interior de Minas Gerais até Goiás. Com o negócio, além do incremento na frota, a empresa vai contratar 70 profissionais. Tradicional cliente da VWCO, a empresa tem mais de 75% de sua frota com veículos da marca.

“Relações como a que temos com a Lucca Jr fortalecem nosso empenho. O cliente sempre vai encontrar uma concessionária altamente equipada para atendê-lo da forma mais eficaz possível em qualquer região do País, pois o nosso compromisso é oferecer a melhor relação custo-benefício”, destaca o vice-presidente de vendas, marketing e pós-vendas da VWCO, Ricardo Alouche.



Tags: VWCO, Volkswagen Caminhões e Ônibus, fábrica, retomada, Resende, caminhão, venda, pandemia, coronavírus.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência