Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Caoa Chery de Jacareí reduz salários e jornada para setor administrativo
Setor administrativo da fábrica de Jacareí (SP) tem cerca de 200 trabalhadores, que estão cumprindo home office

COVID-19 | 17/04/2020 | 19h15

Caoa Chery de Jacareí reduz salários e jornada para setor administrativo

Acordo vale por 90 dias e empresa promete estabilidade até o fim de agosto; quem recebe até R$ 4 mil terá renda líquida mantida

MÁRIO CURCIO, AB

Os trabalhadores do setor administrativo da Caoa Chery de Jacareí (SP) aprovaram a proposta de home office com redução de jornada e de salário apresentada pela empresa. O acordo terá duração de 90 dias e a empresa garante estabilidade no emprego até 30 de agosto.

Os funcionários que recebem até R$ 4 mil terão 25% de redução na jornada e nos salários. Haverá também um complemento pago pela empresa, equivalente à diferença do benefício pago pelo governo (25% do seguro-desemprego) e o salário líquido. Dessa forma, ficará garantido o recebimento de 100% do salário líquido.

Para aqueles que recebem mais de R$ 4 mil, a redução será de 27%. Neste caso haverá apenas o subsídio do governo de 25% do seguro-desemprego e a empresa não fará o complemento.

A área administrativa da Caoa Chery tem cerca de 200 funcionários. Numa votação on-line com 158 participantes, 153 foram favoráveis à proposta. A Chery foi a primeira montadora a adotar layoff na quarentena e depois foi seguida por outras, que utilizaram a MP 936 para atenuar os efeitos da pandemia de Covid-19.

O sindicato recorda que não haverá redução salarial para os trabalhadores da produção. Eles tiveram os contratos suspensos em 1º de abril. O retorno ocorreria no dia 30, mas agora não há mais previsão de retorno. A estabilidade também está garantida para a produção.



Tags: Caoa Chery, sindicato, metalúrgicos, home office, layoff, seguro-desemprego, Covid-19, quarentena.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência