Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
VWCO suspenderá contratos de trabalho por 60 dias em Resende

COVID-19 | 15/04/2020 | 17h51

VWCO suspenderá contratos de trabalho por 60 dias em Resende

Medida atingirá parte dos funcionários da produção e das empresas do consórcio modular

REDAÇÃO AB

A Volkswagen Caminhões e Ônibus – VWCO – vai suspender os contratos de trabalho de parte de seus funcionários da produção no complexo industrial de Resende (RJ). A medida, que também afeta os trabalhadores das empresas que fazem parte do consórcio modular, foi confirmada após aprovação pelos empregados em votação online que foi conduzida pelo Sindicato dos Metalúrgicos do Sul Fluminense na terça-feira, 14.


Segundo a VWCO, a suspensão dos contratos de trabalho será aplicada para pessoal considerado excedente na produção, número que ainda não foi definido pela empresa. Atualmente, a montadora emprega 4,5 mil pessoas: todos estavam de férias coletivas desde o dia 30 de março com retorno previsto para o dia 20 de abril. Mas com a intensificação das medidas protetivas, incluindo prorrogação da quarentena, a empresa decidiu por flexibilizar a situação dos trabalhadores.

O acordo, que foi aprovado por 98,7% dos votantes, se baseia nas regras da Medida Provisória 936, que flexibiliza a relação de empresas e empregados durante o decreto de calamidade pública, imposto pelo governo federal por causa da crise gerada pela pandemia do novo coronavírus.

Com a decisão, a VWCO pagará 30% do salário líquido de cada funcionário, enquanto o governo federal vai arcar com 70% do valor do seguro desemprego. Não haverá desconto proporcional do 13º salário e férias. O prazo de vigência da medida será de 60 dias contados a partir de 27 de abril. Os funcionários afetados pelas medidas terão garantia de emprego e seus benefícios serão mantidos.

Para funcionários de setores administrativos, haverá redução da jornada de trabalho e de salários na proporção de 25%. Com isso, o governo federal complementará com 25% do valor do seguro desemprego. Neste caso, a vigência da medida é de 90 dias.



Tags: VWCO, Volkswagen Caminhões e Ônibus, suspensão de contrato, MP 936, medida provisória, Resende, produção, trabalhadores, coronavírus, Covid-19.

Comentários

  • AloísioA.De Lucca

    Decisãosensata dos funcionários da VWCO. Administração coerente nas decisões,sabendo que dias melhores voltarão e o conjunto estará intacto.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência