Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Honda chega a 25 milhões de motos produzidas em Manaus

Indústria | 12/03/2020 | 16h21

Honda chega a 25 milhões de motos produzidas em Manaus

Planta na Zona Franca é o maior fabricante de veículos do Hemisfério Sul

PEDRO KUTNEY, AB | De Manaus (AM)

A fábrica da Honda na Zona Franca de Manaus (AM) atingiu a marca de 25 milhões de motos produzidas (13 milhões só da CG, o veículo mais vendido do Brasil) desde a sua inauguração, em 1976, que consolida o complexo industrial na posição de maior fabricante de veículos automotores do Brasil e do Hemisfério Sul. O marco foi comemorado na quinta-feira, 12, em evento recheado de políticos da Região Norte, com a apresentação de uma CG 160 Titan, que simbolizou o número alcançado, usado como resposta às muitas críticas que vem recebendo o regime de isenção de impostos do polo industrial do Amazonas, estendido até 2073 e que corre o risco de perder efeito na proposta de reforma tributária em tramitação no Congresso Nacional.

O evento comemorativo/político foi realizado no novo prédio que vai abrigar todas as operações de produção de motores, incluindo fundição de carcaças de alumínio, usinagem e montagem final, que marca a primeira fase do investimento de R$ 500 milhões entre 2019 e 2021 anunciado há um ano por Issao Mizoguchi, presidente da Honda South America.

Ele destacou que em seus 44 anos de história o complexo industrial da fabricante em Manaus já recebeu aportes que somam US$ 2 bilhões, direcionados à ampliação de plantas internas para sustentar todos os processos altamente verticalizados da unidade, que hoje emprega 7 mil pessoas (500 a mais do que no início de 2019).

“A fábrica de Manaus é estratégica para a expansão global da Honda e foi fundamental para o nosso sucesso no Brasil. Começamos com apenas um modelo, a CG, e hoje produzimos aqui 24 modelos que somam 108 versões de motos (de 110 a 1.000 cc), além de quadriciclos e produtos de força. Tivemos de desenvolver mão de obra local e fazer aqui quase tudo o que usamos na produção das motos, incluindo bancos, motores, rodas, fundidos e tubos para os chassis”, relatou Issao Mizoguchi.



ALTA VERTICALIZAÇÃO E NACIONALIZAÇÃO



A Moto Honda da Amazônia opera com elevado índice de 90% de nacionalização de componentes. Além da produção interna de vários itens, existem 130 fornecedores produtivos, instalados em Manaus e outras regiões do País – os pneus, por exemplo, vêm do Rio Grande do Sul, enquanto conjuntos de aço são trazidos do Sudeste.

A centralização da produção de motores em um só prédio trará ganhos logísticos e de produtividade, tendo em vista que muitas peças rodavam até 2 km dentro do complexo antes de chegar às diferentes linhas internas de montagem.

Segundo Mizogushi, boa parte da segunda etapa do atual programa de investimentos em curso será aplicada na renovação de produtos, o que inclui a atualização de motores para cumprir as normas de emissões do Promot 5. Até 2021 a Honda pretende fazer 16 lançamentos, entre motos totalmente novas e versões.



Tags: Honda, Moto Honda da Amazônia, Manaus, Zona Franca de Manaus, Amazonas, fábrica, 25 milhões motos.

Comentários

  • Prado

    Parabénsque venha cresce mais é mais e contrata mais funcionários.

  • DarcioDe Souza Bezerra

    Parabénsmoto Honda parabéns a todos os funcionários. Moto Honda orgulho de manaus. Eu li essa história lagrimando de emoção parabéns parabéns ???????????????????? É de chorar de emoção Glória a Deus pela moto Honda

  • AluízioRamos

    MotoHonda, fabricante de motos da melhor qualidade, resistência e durabilidade, sem contar que tem a manutenção mais barato do mercado, com variedades de modelos.

  • Marinaldo

    Eutenho orgulho de trabalhar nessa empresa

  • TARCISIOFRASCINO FONSECA

    Parabéns!E que continue gerando emprego e renda.

  • Frankde Lima Lasmar

    Estouorgulhoso de fazer parte dessa história. E dizer para os meus amigos que trabalho na Honda desde 1997. Parabéns Honda por essa marca alcançada!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência