Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
General Motors de Gravataí comemora produção de 4 milhões de veículos
Fábrica de Gravataí começou em julho de 2000 com Chevrolet Celta e hoje monta os novos Onix e Onix Plus

Indústria | 27/02/2020 | 15h53

General Motors de Gravataí comemora produção de 4 milhões de veículos

Unidade opera em três turnos e monta atualmente um carro por minuto

REDAÇÃO AB

A fábrica da General Motors de Gravataí (RS) alcançou a marca de 4 milhões de veículos desde sua inauguração, em 20 de julho de 2000. A unidade começou com o Chevrolet Celta e tem como característica produzir em grandes volumes. Está operando em três turnos e monta mais de 60 carros por hora.

Em novembro de 2019 a fábrica gaúcha inaugurou uma nova linha de montagem com melhorias para a produção dos novos Onix (hatch) e Onix Plus (sedã). O aporte de cerca de R$ 1,4 bilhão fez parte do investimento de R$ 23 bilhões que a empresa realiza no Brasil no período 2014–2024 para atualização de modelos e instalação de novas tecnologias de manufatura.

Entre as melhorias feitas em Gravataí está um novo prédio para injeção de polímeros, onde são moldados os para-choques. Muitos processos da fábrica foram digitalizados. A General Motors instalou softwares de controle de produção que programam o mix de modelos direto para a linha de montagem, o que reduz a necessidade de grande volume de estoque.

"Nossa fábrica em Gravataí é a mais produtiva do mundo. Não é à toa que ela produz o carro mais vendido da América do Sul, o Onix, há mais de quatro anos na liderança do mercado brasileiro”, afirma a vice-presidente de relações governamentais e comunicação da GM América do Sul, Marina Willisch.





Tags: General Motors, Chevrolet, Celta, Onix, Onix Plus, Marina Willisch.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência