Automotive Business
  
Siga-nos em:

Notícias

Ver todas as notícias
Paccar, dona da DAF, registra mais um ano de lucro e faturamento recordes

Balanço | 11/02/2020 | 19h11

Paccar, dona da DAF, registra mais um ano de lucro e faturamento recordes

Em 2019, companhia lucrou US$ 2,3 bi com faturamento líquido de US$ 25,6 bilhões

REDAÇÃO AB

A Paccar, grupo que detém as marcas de caminhões DAF, Kenworth e Peterbilt, registrou receita e lucro recordes em 2019, e alcançou 81 anos consecutivos de receita líquida positiva. O faturamento da companhia encerrou em US$ 25,6 bilhões, enquanto o lucro líquido foi de US$ 2,3 bilhões, com retorno de 9,3% sobre o faturamento líquido.




As vendas globais do grupo somaram 198,8 mil unidades, também o maior volume da história. A Paccar Parts, divisão de autopeças, também registrou faturamento recorde, acima dos US$ 4 bilhões.

“Os vibrantes resultados da Paccar refletem os produtos e serviços de alta qualidade da empresa, fortes mercados globais de caminhões, produção recorde de caminhões e vendas recordes de peças de reposição”, enfatiza o CEO Preston Feight.

O grupo registrou boas vendas e resultados tanto na América do Norte, onde atua com as marcas Kenworth e Peterbilt, quanto na Europa, com a DAF. A empresa estima que o mercado europeu deva diminuir sua demanda por caminhões pesados (com PBT acima de 16 toneladas), passando de 320 mil em 2019 para até 290 mil neste ano. Apesar disso, a Paccar considera o nível excelente: “A demanda por caminhões na Europa continua forte devido ao constante crescimento econômico na região”, disse Harry Wolters, presidente da DAF.

Na América do Sul, o segmento de caminhões pesados registrou a venda total de 105 mil veículos em 2019 e a projeção é de que este ano aumente entre 100 mil e 110 mil em 2020. “A demanda dos clientes por caminhões DAF e Kenworth resultou em aumento de 59% nas entregas na América do Sul em 2019”, disse Gary Moore, vice-presidente executivo da Paccar. O mercado brasileiro de caminhões respondeu por 75 mil veículos e as projeções, de acordo com a empresa, são de volume entre 70 mil e 80 mil caminhões em 2020.



Tags: Paccar, DAF, caminhões, lucro líquido.

Comentários

  • ManoelP Araujo Fh

    Quandouma grande marca tem um produto bom como o DAF, o sucesso das vendas, é apenas consequência do reconhecimento da qualidade de produção do caminhão fabricado pela montadora. Força, robustez, conforto, simplicidade e economia em um "bruto"!

  • NILSONDA SILVA PEREIRA

    Aprincípio como todo e qualquer usuário fiquei meio de 2a com a marca mais depois de alguns dias com o equipamento percebi o tamanho da eficiência do mesmo no transporte ajsvista q sempre precisamos de alguns ajustes afinal este é o Brasil . Mais de antemão muito satisfeito com o equipamento .

  • Airtonaredes

    Admiromuito as publicações da referida montadora porque além de ver os caminhoes DAF rodando Brasil a fora vejo os comentários dos meus colegas caminhoneiros é muito positivos então parabéns ao grupo PACCAR o Brasil precisa de empresas deste calibre

  • Juliovilela

    Adiquiridaf xf em 2014 hoje 90% da empresa é daf acredito na marca e vamos as compras !!!!

  • Paulo

    Eu,gostei de ver que mercado brasileiro é exigente, e este veículo extra pesado veio pra ficar nas nossas estradas, tomara que não falte assistência técnica e peças de reposição, pra não queimar a marca. Tenho dito

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência