Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Vendas globais da Renault recuam 3,4% em 2019

Mercado | 17/01/2020 | 17h47

Vendas globais da Renault recuam 3,4% em 2019

Desempenho é prejudicado por queda na Argentina e Turquia enquanto Brasil registra o maior índice de crescimento

REDAÇÃO AB

O Grupo Renault registrou queda de 3,4% nas vendas globais de 2019 ao emplacar 3,75 milhões de unidades. Em balanço divulgado na sexta-feira, 17, a companhia informa que o desempenho anual foi prejudicado por forte queda dos negócios na Argentina e Turquia, além do impacto com o fim das vendas no Irã.

Por outro lado, a empresa registrou seu maior índice de crescimento no Brasil, onde as vendas avançaram 11,3%, para 239,2 mil unidades, volume que garantiu à marca um novo recorde de participação de mercado em 9% graças ao bom desempenho do Kwid. Por aqui, a Renault subiu para o quarto lugar no ranking de vendas ao mesmo tempo em que o mercado brasileiro encerrou 2019 como o quarto mais importante para o grupo em todo o mundo.

15 principais mercados do Grupo Renault em 2019:


Na Europa, as entregas do grupo tiveram ligeira alta de 1,3% em um mercado que obteve ligeira alta de 1,2%. Por lá, a empresa destaca o desempenho do segmento de utilitários que cresceu 3,6% ajudando a obter avanço global de 0,7% e recorde no volume de vendas mundiais. Sua marca Dacia registrou o sétimo ano consecutivo de recorde de vendas com 564,8 mil unidades emplacadas na região, aumento de 10,4% graças às performances de Duster e Sandero.

Com quase 30% de participação de mercado, o grupo comemora o aumento das vendas na Rússia em 2,3% em um mercado em queda de 2,6%. A marca Lada, que pertence ao grupo, obteve leve avanço de 0,6% com 362,3 mil veículos, enquanto a marca Renault emplacou 144,9 mil, incremento de 5,8%.

Já na Índia, a Renault reporta ser a única marca que avançou no mercado de veículos de passeio em 2019: suas vendas aumentaram 7,9% em um mercado em queda de 11,3%. A participação de mercado atingiu 2,5%, em alta de 0,45 ponto em relação a 2018.

ELÉTRICOS


No mercado de veículos elétricos, as vendas do grupo aumentaram 23,5% para um total de 62,4 mil unidades entregues em todo o mundo. No segmento de utilitários elétricos, a companhia destaca o resultado do Kangoo Z.E. cujo crescimento anual foi de 19,2%, para 10,3 mil unidades.

Na China, o Renault City K-ZE lançado em novembro passado registrou a venda de mais de 2,6 mil unidades.

Para 2020, o grupo planeja uma nova ofensiva de elétricos a partir do lançamento do novo Twingo Z.E., além da chegada da nova linha E-Tech, de veículos híbridos e híbridos plug-in.



Tags: Renault, vendas globais, Dacia, Lada, mercado.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência