Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Venda acumulada de janeiro a agosto é a melhor desde 2014
Moraes recorda que o 2º semestre em regra é melhor que o 1º e prevê boa oferta de crédito (foto: Mário Curcio)

Mercado | 05/09/2019 | 17h28

Venda acumulada de janeiro a agosto é a melhor desde 2014

Período teve 1,79 milhão de veículos emplacados e clareou o horizonte para o último trimestre

MÁRIO CURCIO, AB

As vendas do mês de agosto somaram 243 mil veículos, registrando pequena queda de 0,3% ante julho por causa do menor número de dias úteis (22, ante os 23 do mês retrasado). No acumulado do ano, no entanto, as montadoras comemoram o melhor janeiro-agosto desde 2014, com 1,79 milhão de unidades licenciadas e alta de 9,9%. Os números foram divulgados pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).



- Faça aqui o download dos dados da Anfavea
- Veja outras estatísticas em AB Inteligência



“Agosto teve a terceira melhor média diária de emplacamentos (11 mil) deste ano, abaixo apenas de junho (11,7 mil) e maio (11,1 mil). Os veículos comerciais começam a mostrar também uma retomada mais robusta e esse movimento deve se manter até o fim do ano”, afirma o presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes.



A venda de automóveis e comerciais leves somou no período 1,7 milhão de unidades e cresceu 8,8% sobre os mesmos oito meses do ano passado. Entre os pesados, o maior crescimento em vendas ocorreu para os ônibus, 49,8%, com 13,5 mil unidades. E os caminhões sustentam alta acima de 40% no acumulado do ano, com 65,1 mil unidades lacradas.

Moraes recorda que as médias diárias de licenciamentos de caminhões (429 unidades) e ônibus (92) foram as melhores desde dezembro de 2014. Sobre as vendas de caminhões, o executivo afirma que os fabricantes ainda aguardam um movimento mais consistente de retomada para modelos destinados à construção civil e também para entregas no varejo (semileves a médios, com Peso Bruto Total, PBT, de 3,5 a 15 toneladas).

Ainda segundo o presidente da Anfavea, a crença em bons números totais para o último trimestre decorre do “apetite dos bancos pela oferta de crédito”, mas a associação prefere manter a projeção de 2,86 milhões de veículos licenciados até o fim do ano, com alta de 11,4% sobre 2018.



Tags: Anfavea, emplacamentos, veículos leves, caminhões, ônibus, Luiz Carlos Moraes.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência