Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Qualcomm quer tornar o setor automotivo um de seus grandes negócios

Tecnologia | 23/08/2019 | 19h29

Qualcomm quer tornar o setor automotivo um de seus grandes negócios

Companhia trabalha em soluções de comunicação essenciais para que o carro autônomo se torne realidade

GIOVANNA RIATO, AB

A chave para o carro autônomo, quem diria, é a comunicação. E é justamente esta questão que a Qualcomm trabalha para resolver, garantindo aos automóveis a capacidade de transmitir e captar informações das vias, pedestres e de outros veículos. A fabricante de chips e semicondutores esteve por trás das principais inovações tecnológicas das últimas décadas: de smartphones a drones e computadores. Agora, a próxima meta é avançar no setor automotivo, como conta Hélio Akira Oyama, diretor da área de produtos da companhia no Brasil.

“Os veículos precisarão transmitir cada vez mais informação com velocidade e precisão. Por isso, é natural que o setor automotivo se transforme em um negócio de alta relevância para nós ao lado da indústria de telefonia móvel”, diz.

O executivo participou do Simea, Simpósio de Engenharia Automotiva promovido pela AEA, Associação Brasileira Engenharia Automotiva, nos dias 21 e 22 de agosto.

CV2X: A COMUNICAÇÃO ENTRE O CARRO E TODO O ENTORNO


A chave para o carro autônomo em que a Qualcomm vem trabalhando é a tecnologia CV2X, que garantirá a troca de informações e plena comunicação entre o carro e a infraestrutura viária, os outros veículos e, ainda, os pedestres. “É isso que vai permitir que o veículo autônomo dê certo, reduzindo drasticamente o número de acidentes”, diz.

O executivo admite que a companhia negocia o fornecimento da solução globalmente com uma série de montadoras. A Ford, por exemplo, já confirmou que usará a tecnologia em seus carros a partir de 2022. Segundo Oyama, não há confirmações para o Brasil, mas ele é otimista para o avanço da solução localmente no médio prazo.

“A adoção é feita globalmente pelas empresas. O Brasil não vai ficar fora da rota do carro autônomo e do CV2X.” Para o executivo, a indústria automotiva não tem como fugir da necessidade de incorporar novas tecnologias de comunicação e transmissão de dados nos veículos.

“Se o setor não se adapta e traz soluções diferentes, ele está morto. É um movimento parecido com o da telefonia celular com a chegada do smartphone, que se tornou a maior plataforma tecnológica da história humana”, diz, estimando que, em pouco tempo, o automóvel tende a se transformar em um celular sobre rodas.

5G VAI INJETAR MAIS US$ 12 TRILHÕES NA ECONOMIA GLOBAL


O executivo da Qualcomm lembra que, para avançar globalmente, o carro autônomo depende da melhoria da capacidade de comunicação e do trânsito de dados, algo que só vai acontecer com o avanço do 5G, a quinta geração de telecomunicação móvel, que já começou a avançar e deve ganhar força no mundo nos próximos anos.

“É uma tecnologia que traz mais velocidade, eleva a capacidade de transmitir dados e é mais confiável e disponível”, conta. Segundo ele, em um período de ano, a conexão 5G só fica fora do ar por um tempo somado de 32 segundos – número drasticamente menor do que o da tecnologia atual, 4G.

Oyama diz que o impacto do novo padrão vai ser tão grande que o 5G poderá adicionar US$ 12 trilhões à economia global até 2035, incluindo aí ganhos de eficiência e espaço para o surgimento de novos negócios.



Tags: Qualcomm, tecnologia, comunicação, carro autônomo, setor automotivo.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência