Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
FCA celebra 4 anos em Pernambuco com novo investimento de R$ 7,5 bi
Antonio Filosa, presidente da FCA para América Latina (esq.), presenteia o governador de Pernambuco, Paulo Camara, com um estandarte de maracatu que comemora os quatro anos da fábrica em Goiana

Indústria | 17/05/2019 | 18h12

FCA celebra 4 anos em Pernambuco com novo investimento de R$ 7,5 bi

Montante também inclui aportes de novos fornecedores que vão construir unidades perto do Polo Jeep

REDAÇÃO AB

A FCA (Fiat Chrysler Automobiles) participou na quinta-feira, 16, de uma cerimônia em comemoração aos quatro anos completados de sua fábrica no Nordeste brasileiro, em Goiana (PE), inaugurada em 28 de abril de 2015. Considerada a mais moderna do Grupo FCA em todo o mundo, o Polo Automotivo Jeep, como é conhecido o complexo industrial, recebeu investimento total de R$ 11 bilhões (R$ 1 bilhão de fornecedores) para sua construção e agora está recebendo outros R$ 7,5 bilhões, também incluindo aportes que serão feitos por mais empresas que irão compor a cadeia local de suprimentos.

O novo investimento em Goiana faz parte do programa da FCA anunciado em julho do ano passado, quando a empresa informou que iria aportar R$ 14 bilhões em suas operações no País. No mesmo mês, indicou que R$ 8 bilhões estavam sendo direcionados para a fábrica de Betim (MG). Contudo, como o orçamento desses aportes é feito em euros, a desvalorização cambial no último ano fez a soma em reais aumentar. Além disso, fornecedores também vão investir em ambas as operações. Levando em consideração esses dois fatores, o montante em Betim agora é de R$ 8,5 bilhões, que somados aos R$ 7,5 bilhões para Goiana elevam ao total de R$ 16 bilhões o plano da FCA no Brasil.

Desde que iniciou suas operações, a fábrica pernambucana já produziu mais de 600 mil veículos. Por lá são montados os SUVs Jeep Renegade e Compass, além da picape Fiat Toro. Há pouco mais de um ano (14 meses), a unidade vem operando em três turnos e alcançou a marca de mil veículos produzidos por dia.

O complexo emprega atualmente 13,6 mil pessoas, incluindo as que trabalham nas 16 empresas que integram o parque de fornecedores, localizado dentro do perímetro fabril.

“O Polo Automotivo Jeep, em Goiana, é a mais moderna unidade fabril da FCA no mundo e um verdadeiro modelo global em termos de produtividade, inovação e padrões de qualidade”, afirmou o presidente da FCA para a América Latina, Antonio Filosa, durante o evento de comemoração oferecido pelo governo do Estado de Pernambuco, no Palácio Campo das Princesas, na capital Recife.

“Nossas operações em Pernambuco são altamente estratégicas para a FCA na América Latina, pois aqui produzimos veículos desejados e reconhecidos pelo consumidor e Goiana é o ponto de partida para todo esse sucesso”, completa Antonio Filosa.



Segundo o executivo, a questão mais estratégica para o futuro do polo está na redução do gap logístico da Região Nordeste, que resulta em ineficiências ao longo de toda a cadeia produtiva. “A questão é delicada e demanda esforços de todas as partes, desde as diferentes esferas governamentais até o setor privado, mas vemos que há consciência sobre as dificuldades e interesse real em resolvê-las”, comenta. “Estamos trabalhando para ampliar o parque de fornecedores e trazer mais empresas para a região, com o objetivo de amenizar os gargalos e aumentar a eficiência. Isso vai resultar em mais oportunidades de emprego e novos negócios”, completou.

A empresa tem pressa em resolver os gargalos. Isso porque a Jeep lidera o segmento de SUVs no Brasil há três anos consecutivos, sendo um com o Jeep Renegade e dois com o Jeep Compass. Neste ano, no acumulado de janeiro a abril, as vendas da marca cresceram 27% na comparação com igual período do ano passado, mantendo a participação de 4,9% do mercado total, o que lhe garantiu a posição entre as dez marcas mais vendidas no País.

Já a Fiat Toro está consolidada como a segunda picape mais vendida do Brasil, com mais de 17, 8 mil unidades emplacadas nos quatro meses fechados de 2019.


SUVs dominam produção em Goiana (a partir da esquerda): Jeep Renegade, picape Fiat Toro e Jeep Compass





Tags: FCA, fábrica, Jeep, Goiana, Pernambuco, investimento.

Comentários

  • FábioAntônio Savini

    Muitobom a FAC está investindo no Pernambuco, mais empresas ,mais empregos ,com certeza o povo das cidades em que são beneficiados com as oportunidades só tem a agradecer parabéns ao grupo Fiat ,e espero uma oportunidade também

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência