Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Audi e Airbus se unem para oferecer serviço de mobilidade em São Paulo

Novos negócios | 18/02/2019 | 17h41

Audi e Airbus se unem para oferecer serviço de mobilidade em São Paulo

Carros da marca alemã serão usados para completar transporte dos clientes que usam o serviço de helicóptero Voom

REDAÇÃO AB

A parceria entre a Audi e a Airbus começa a dar frutos localmente. As empresas, que já trabalham juntas no desenvolvimento de um drone autônomo de passageiro, começam a rodar em São Paulo (SP) um serviço de mobilidade premium. A novidade funciona por meio da Voom, startup da Airbus especializada na oferta de viagens de helicóptero sob demanda – uma espécie de Uber do deslocamento aéreo. Agora os clientes da empresa contarão com um Audi Q7 para complementar a jornada nas viagens que têm como origem ou destino o aeroporto de Guarulhos.

O SUV será oferecido para que o consumidor vá do heliponto até os terminais de embarque ou o contrário. “Nossa parceria com a Voom faz parte do plano de oferecer serviços modernos de mobilidade urbana”, destacou Johannes Roscheck, presidente da Audi no Brasil, em comunicado distribuído pela marca. Segundo a empresa, a iniciativa pretende reforçar a disposição em oferecer soluções multimodais premium e eficientes para os deslocamentos em grandes cidades.

O Q7 é o SUV mais luxuoso da montadora, equipado com motor V6 de 333 cv, câmbio automático de oito marchas e tração integral. Além disso, o veículo tem espaço generoso para quem tem bagagem para transportar, com 890 litros de capacidade no porta-malas.



Tags: Audi, Airbus, Voom, mobilidade, serviço, transporte.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência