Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Ônibus elétricos BYD já rodam no Rio de Janeiro

Transportes | 22/08/2018 | 15h33

Ônibus elétricos BYD já rodam no Rio de Janeiro

Três unidades do modelo D9W integram o programa Tarifa Comercial Zero, em Volta Redonda

REDAÇÃO AB

Já estão em operação no Rio de Janeiro os primeiros ônibus elétricos da BYD entregues ao estado no último dia 15 deste mês. Três unidades do modelo D9W com carroceria urbana Caio Millenium estão funcionando em linhas do transporte de passageiros na cidade de Volta Redonda, situada no sul fluminense. Eles são utilizados no programa Tarifa Comercial Zero e circulam gratuitamente nos quatro principais pontos comerciais do município Vila Santa Cecilia, Centro, Aterrado e Retiro. Os testes iniciaram em 18 de julho e a linha teve quase 100% de aprovação dos usuários e também dos comerciantes locais.

Segundo a fabricante, cada ônibus elétrico em operação deixa de emitir cerca de 1,8 toneladas de CO2 e mais de 1 tonelada de material particulado se comparado com um ônibus convencional movido a diesel e com motor Euro 5 com rodagem média de 6 mil quilômetros por mês.

“O ônibus elétrico é uma tecnologia promissora na busca por um transporte público menos poluente e com menor custo de manutenção. Com cada vez mais grandes metrópoles globais realizando testes e implementando esse tipo de veículo em suas vias públicas, o ônibus elétrico vai deixando de ser apenas uma ideia do futuro, firmando-se dia a dia como realidade”, afirma o presidente da BYD do Brasil, Tyler Li.

O chassi D9W é utilizado para aplicação de carrocerias com até 13,2 metros de comprimento. Ele é equipado com dois motores BYD-2912TZ-XY-A, de 150 KW, que equivalem a 402 cavalos e estão integrados nas rodas do eixo traseiro, que contam com um módulo de controle eletrônico de tração.

Configurado com piso baixo na entrada (low entry), o veículo vem equipado com freios a disco regenerativos, sistema ABS nas rodas dianteiras e traseiras, suspensão pneumática integral e sistema de rebaixamento bilateral (ECAS) que permite o rebaixamento da suspensão, alinhando o veículo as plataformas de embarque e desembarque. Também é possível elevar a altura da carroceria para transpor alguns obstáculos das vias públicas.



Tags: Ônibus elétrico, BYD, Rio de Janeiro.

Comentários

  • fabiano

    omitiraminformações relevantes como autonomia, tanto em vazio como em capacidade máxima, e tempo de recarga.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência