Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Salão das Motopeças reúne 100 expositores no Expo Center Norte

Aftermarket | 15/08/2018 | 22h58

Salão das Motopeças reúne 100 expositores no Expo Center Norte

Evento pode gerar R$ 1 bilhão em negócios para o setor

MÁRIO CURCIO, AB

Começou o Salão Nacional e Internacional das Motopeças, que vai até sábado, 18, no pavilhão amarelo do Expo Center Norte. O evento ocorre a cada dois anos e chegou à décima edição com 100 expositores. A feira é voltada aos lojistas do setor e deve atrair 12 mil visitantes, de acordo com a Associação Nacional dos Fabricantes e Atacadistas de Motopeças (Anfamoto).

“Temos a expectativa de gerar R$ 1 bilhão em negócios com o salão”, afirma o presidente da Anfamoto, Orlando César Leone.



Ainda segundo a entidade, o mercado de motopeças vem apresentando um crescimento moderado, de cerca de 5% ao ano, mas com a recuperação da economia e a ajuda da feira essa alta pode chegar a 8% em 2018.

A Bosch aproveitou o Salão das Motopeças para lançar uma linha de relés para pisca-pisca que cobre 60% da frota circulante nacional. A empresa também mostra no evento o ESI Bike, um novo módulo de diagnose para motos de alta cilindrada.

Ele utiliza a mesma base do scanner para ciclo Otto. A empresa também fornece velas, fluidos de freio, baterias e buzinas para o mercado de reposição: “É importante estar perto dos distribuidores. Daqui saem boas negociações e há muita troca de informações”, afirma o coordenador de produto da Bosch, Renan Baldin.


Em sentido horário, a partir do alto, à esquerda: Bosch lança relés e a Brady mostra os pneus Gibys. Protork produz capacetes e 30 mil outros itens de plástico ou metal. Moura tem foco na reposição, mas já fornece a montadoras

A fabricante de retentores Sabó também reconhece a importância da feira: “A intenção é mostrar nossa marca a esse público”, diz o gerente de aftermarket da empresa, João Conrado. “As motos têm uma participação pequena no nosso aftermarket, mas estamos desenvolvendo e ampliando nossa linha para mudar isso”, garante.

A fabricante de baterias Moura também está no evento: “Hoje nossa prioridade é o mercado de reposição, mas fornecemos para as linhas de montagem da Harley-Davidson e da BMW em Manaus”, afirma o coordenador de gestão, João Muniz. A Moura concentra sua produção de baterias na cidade de Belo Jardim (PE).

A Fras-le estreia no evento com 63 itens diferentes entre pastilhas e sapatas para motos até 300 cc. De acordo com a empresa, esses produtos estarão não só no mercado brasileiro. A empresa pretende atender outros países da América Latina ainda este ano.

NETWORK EM PRIMEIRO LUGAR


Entre os expositores há também aqueles que respiram o setor de duas rodas há várias décadas, com a Brandy. A empresa começou há 60 anos em Ribeirão Preto com uma oficina de Vespas e Lambrettas, já fabricou bicicletas, scooters, ciclomotores e hoje tem como foco a produção e distribuição de componentes para motos.

Sobre o Salão das Motopeças, o diretor Vitor Hugo Brandani diz: “Participamos desde a primeira edição. O network está em primeiro lugar e há boas oportunidades de fechar negócios”, garante o executivo, que aproveitou a feira para lançar os pneus da marca Gibys, fabricados no Brasil.

Um grande expositor do salão é a Protork, que produz guidões, escapes, relações de transmissão, capacetes, acessórios off road e vários componentes metálicos e plásticos em sua fábrica de Siqueira Campos (PR): “São 30 mil itens diferentes produzidos no Brasil”, afirma o gerente executivo Toshio Imai. Ele recorda que o mercado em que a Protork atua não passou por aperto nos anos recentes.

“O que caiu muito foi a venda de motos zero, mas atendemos a um consumidor que precisa manter sua usada ou tirá-la da garagem para rodar. Para nós esse período (de crise) foi uma grande oportunidade”, garante o executivo.



A Protork exporta seus produtos para mais de 50 países. Os itens são vendidos em toda a América Latina, Europa e até em países da Ásia.

Assista ao vídeo do 10º Salão das Motopeças




Tags: Salão das Motopeças, Anfamoto, Orlando César Leone, Bosch, Moura, Fras-le, Sabó, João Conrado, Brandy, Vitor Hugo Brandani, Harley-Davidson, BMW, Vespas, Lambrettas, Gibys, Protork, Toshio Imai.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência