Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Participação de consórcios cresce no mercado de veículos usados

Crédito | 20/07/2018 | 17h17

Participação de consórcios cresce no mercado de veículos usados

Volume de vendas via modalidade quase triplica em oito anos ao passar de 46,8 mil para 130,5 mil

REDAÇÃO AB

O consórcio vem ganhando espaço cada vez mais considerável no mercado de veículos usados ao mesmo tempo em que essa presença diminui no mercado de novos. Dados da B3 que consideram o período entre janeiro e maio, mostram que o número das vendas de usados feitas por meio da modalidade atingiu os 130,5 mil veículos, elevando a participação da modalidade a 74,7%, considerando apenas o segmento de automóveis. Essa fatia representa aumento expressivo de 24,9 pontos porcentuais sobre a participação de 49,8% dos consórcios no mercado de usados em 2011, quando o volume foi de 46,8 mil unidades.

Já no segmento de veículos novos, a participação dos consórcios era de 50,2% em 2011 e reduziu para 25,3% em 2018, considerando sempre o período acumulado de janeiro a maio.



Para a Abac, associação que reúne as administradoras de consórcios, e responsável pela análise dos dados, há uma clara mudança de comportamento dos consorciados que têm a chance de adquirir o bem após a contemplação por sorteio ou por lance, com uma crescente procura por veículos usados.

“A razão dessa tendência está na maximização do crédito para aquisição de modelos de veículos ou motos com poucos anos de uso e com maior valor agregado em função da liberdade de escolha proporcionada pelo consórcio”, diz o presidente executivo da Abac, Paulo Roberto Rossi. “Um consorciado contemplado tem o poder de comprar à vista, idêntico àquele comprador que dispõe de dinheiro no bolso, uma situação que lhe permite decidir pelo que mais lhe convier, inclusive com capacidade de barganhar e obter descontos na negociação”, completa Rossi.

Em sua análise, a Abac aponta que no mercado de duas rodas, o cenário é semelhante. De acordo com os resultados levantados pela B3, a evolução da participação média mensal dos consórcios na aquisição de motocicletas usadas era de 5,1% em 2011 e cresceu para 10,1% em 2018, sempre considerando os dados de janeiro a maio.

Nas vendas a prazo, a presença dos consórcios também cresceu, embora em escala menor e desta vez tanto no segmento de novos quanto no de usados. Em 2011, a participação da modalidade nos automóveis novos era de 5,94% e passou a 8,74% nos primeiros cinco meses deste ano, crescimento de 2,8 p.p. Já nos usados, a presença que era 3,68% em 2011, evoluiu pouco mais de 2,5 vezes, para 10%, até maio de 2018, alta de 6,38 pontos porcentuais.

Os consórcios vêm apresentando crescimento sustentável em todos os segmentos (leia aqui).



Tags: Consórcio, veículos usados, Abac, Fenauto, B3, crédito.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência