Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Taycan é o nome do primeiro Porsche 100% elétrico
O esportivo Taycan, primeiro 100% elétrico da Porsche

Elétricos | 11/06/2018 | 18h05

Taycan é o nome do primeiro Porsche 100% elétrico

Cupê esportivo será produzido em Zuffenhausen, gerando 1,2 mil novos empregos

REDAÇÃO AB

Durante a cerimônia de comemoração de seus 70 anos, a Porsche anunciou que iniciará em 2019 a produção em série na Alemanha do seu primeiro carro 100% elétrico, que acaba de receber um nome oficial: Taycan – palavra turca que descreve um “jovem cavalo vigoroso” e representa a imagem no escudo da marca alemã. O cupê esportivo será produzido em Zuffenhausen, fábrica que está sendo preparada para receber o modelo, com geração de 1,2 mil novos empregos, como parte dos investimentos de € 6 bilhões que a Porsche pretende fazer em seu projeto de eletromobilidade até 2022.

Segundo a icônica fabricante alemã, o Taycan terá vigor esportivo idêntico aos modelos equipados com motor a combustão. O cupê será equipado com dois motores elétricos sincronizados que juntos somam potência cima de 600 hp, capazes de acelerar o carro de 0 a 100 km/h em 3,5 segundos e levá-lo a 200 km/h em menos de 12 segundos. A autonomia prometida é acima de 500 km.



PROJETO DE ELETROMOBILIDADE DE ALTO DESEMPENHO



O Taycan está em desenvolvimento juntamente com uma nova linha de elétricos e híbridos de alto desempenho da Porsche. O primeiro protótipo do cupê foi apresentado no Salão de Frankfurt de 2015 como carro-conceito batizado Mission E. Mais recentemente, no Salão de Genebra deste ano, foi exibida uma versão SUV chamada de Mission E Cross Turismo.

Recentemente a Porsche dobrou de € 3 bilhões para € 6 bilhões os investimentos planejados em eletromobilidade até 2022. Entre os aportes já divulgados, cerca de € 500 milhões serão usados para o desenvolvimento de versões e derivados do Taycan, € 1 bilhão irão para projetos de eletrificação e hibridização da linha de produtos já existente, € 700 milhões serão destinados ao desenvolvimento de novas tecnologias, infraestrutura para carregamento de baterias e mobilidade inteligente.

Outras várias centenas de milhões de euros serão usadas na expansão e adaptação das instalações de produção. Somente na sede da Porsche, em Zuffenhausen, estão em construção nova áreas de pintura e de montagem específicas para o Taycan, além de um transportador aéreo para levar as carrocerias pintadas e conjuntos mecânicos para a montagem final. A fábrica de motores existente está sendo expandida para produzir trens de força elétricos; a área das carrocerias também será ampliada. O Centro de Desenvolvimento de Weissach irá receber recursos adicionais para o projeto de eletromobilidade.



Tags: Porsche, Taycan, elétrico, Mission E, lançamento, indústria.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência