Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Grupo PSA tem faturamento 42% maior no primeiro trimestre

Balanço | 24/04/2018 | 18h36

Grupo PSA tem faturamento 42% maior no primeiro trimestre

Com vendas globais recorde, companhia registra € 18,1 bilhões

REDAÇÃO AB

O faturamento global do Grupo PSA cresceu 42% no primeiro trimestre ao atingir € 18,1 bilhões contra os € 12,7 bilhões de igual período do ano passado, de acordo com balanço financeiro divulgado na terça-feira, 24. Os dados incluem a operação automotiva Opel e Vauxhall, integradas ao grupo em agosto de 2017, tendo contribuído com € 4,83 bilhões. Considerando apenas as marcas Peugeot, Citroën e DS, a receita ficou em € 10,2 bilhões, alta de 13,3% na mesma base de comparação, enquanto a Faurecia, divisão de autopeças, faturou € 4,31 bilhões, incremento de 2,6% no período.

O resultado reflete o recorde das vendas globais do grupo, que somaram pouco mais de 1,05 milhão de unidades, considerando as cinco marcas, o que representou aumento de 44,2% sobre as 729,4 mil vendidas no primeiro trimestre de 2017. Vale ressaltar que o volume recorde se deve especialmente à incorporação dos volumes da Opel/Vauxhall, que chegaram a 274,6 mil nos três primeiros meses do ano. Considerando apenas as vendas de Peugeot, Citroën e DS, as entregas do Grupo PSA fecharam o período com 777,2 mil, aumento de 6,6% sobre as 729,4 mil de um ano atrás.

“Graças à execução rigorosa do plano estratégico Push to Pass e do plano de recuperação da Opel Vauxhall, faremos deste excelente desempenho uma base sólida para o futuro”, declarou em nota o membro do conselho de administração do Grupo PSA e vice-presidente executivo financeiro, Jean Baptiste de Chatillon.

Em todas as regiões, a empresa registrou crescimento das vendas, com destaque para a Europa, onde houve forte avanço de 65,7%, para 770,9 mil veículos, considerando as cinco marcas. Na América Latina, as entregas se elevaram 12,3%, para quase 46 mil, enquanto na região Índia-Pacífico, mesmo não vendendo Opel e Vauxhall na região, o grupo registrou incremento de 33,6% das vendas, com mais de 5,9 mil unidades.

Com isso, as expectativas da PSA para este ano apontam para um mercado automotivo estável na Europa e crescimento nos principais mercados, com alta de 4% na América Latina, de 10% na Rússia e de 2% na China.



Tags: Grupo PSA, balanço, faturamento, vendas globais, recorde.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência