Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Vendas de implementos crescem 53% no primeiro trimestre

Mercado | 09/04/2018 | 12h25

Vendas de implementos crescem 53% no primeiro trimestre

Segmento de reboques e semirreboques foi o que mais avançou, 76,7%, puxado pela alta das compras de caminhões pesados

PEDRO KUTNEY, AB

A indústria de implementos rodoviários para transporte de cargas no primeiro trimestre do ano acompanhou de perto o bom desempenho das vendas de caminhões no País, que cresceram 51% em relação ao mesmo período de 2017 (leia aqui). Segundo dados divulgados pela Anfir, que reúne os fabricantes do setor, com 17.581 unidades fabricadas e comercializadas, o volume de negócios foi 53,3% maior do que o registrado nos primeiros três meses do ano passado.



- Faça aqui o download dos dados da Anfir
- Veja outras estatísticas em AB Inteligência



“O resultado consolidado do primeiro trimestre mostra recuperação do mercado, com tendência a continuar ao longo do ano”, afirma Alcides Braga, presidente da Anfir.

A maior parte do crescimento registrado pelo setor veio das vendas de reboques e semirreboques, que tiveram expansão de 76,7%, com emplacamentos de 8.670 unidades, contra 4.905 no primeiro trimestre de 2017. Assim o setor seguiu o desempenho do mercado nacional de caminhões pesados, que no momento avança mais rápido do que os outros segmentos, principalmente por causa do crescimento do agronegócio, com expectativa de nova safra recorde de grãos. Tanto é que o maior volume de veículos rebocados vendidos foi de graneleiros/carga seca, quase 2,2 mil unidades em três meses, o que indica alta de 91% sobre o mesmo período de 2017.

A alta expressiva na venda de caminhões pesados nos últimos meses fez Alarico Assumpção Jr., presidente da associação de concessionários, a Fenabrave, alertar que poderá haver falta de produtos para entregar este ano. Já o presidente da Anfir garante que a indústria de implementos tem capacidade instalada suficiente para abastecer o mercado.

“O setor de implementos tem condições de acompanhar a curva de crescimento de emplacamentos”, diz Alcides Braga.



As vendas do segmento de carrocerias sobre chassis também foram bem no primeiro trimestre do ano, ainda que em ritmo inferior ao de rebocados. Foram implementadas 8.911 unidades de janeiro a março, ante 6.565 no mesmo período de 2017, registrando crescimento de 35,7%.

No sentido contrário, as exportações de implementos registraram importante queda no primeiro trimestre, indicando que o mercado interno começa novamente a dominar as atenções dos fabricantes. As 346 unidades exportadas ficaram quase 32% abaixo das 508 do mesmo período de 2017.

Tags: Implementos rodoviários, Anfir, balanço, resultados, vendas, emplacamentos, caminhões, transporte de carga.


Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência