Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Waymo mostra a curiosa experiência de rodar em um carro autônomo

Tecnologia | 15/03/2018 | 17h40

Waymo mostra a curiosa experiência de rodar em um carro autônomo

Empresa do Google divulga vídeo com reação dos passageiros que andam em veículo sem motorista de segurança

REDAÇÃO AB

A Waymo, holding do Google especializada em carros autônomos divulgou vídeo para mostrar a curiosa experiência dos passageiros que rodam em carros autônomos sem motorista de segurança. Pouco tempo atrás a empresa só podia testar a tecnologia em vias públicas dos Estados Unidos se um condutor estivesse no carro para gerenciar o sistema e assumir o controle caso houvesse algum problema. No fim de fevereiro a Califórnia atualizou a legislação e passou a permitir que as empresas experimentassem carros sem qualquer motorista a bordo.

O vídeo divulgado pela Waymo mostra as pessoas que se inscreveram em um programa da empresa para testar a tecnologia. Segundo a companhia, cerca de 20 mil pessoas se candidataram para a aventura. O vídeo tem menos de um minuto e mostra a sensação inicial de insegurança e curiosidade dos passageiros, seguida pela aparente sensação de que as pessoas começam a ganhar confiança com a tecnologia.

Até agora a companhia do Google calcula já ter rodado mais de 5 milhões de milhas em testes de carros autônomos.



Tags: Waymo, Google, carro autônomo, tecnologia.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência