Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Metalúrgicos param montadoras de São Bernardo

Trabalho | 19/02/2018 | 17h17

Metalúrgicos param montadoras de São Bernardo

53 mil trabalhadores fizeram greve de 24 horas contra reforma da previdência

REDAÇÃO AB

As montadoras instaladas em São Bernardo do Campo e as principais metalúrgicas da região fizeram greve de 24 horas na segunda-feira, 19, em protesto contra a reforma da Previdência Social. De acordo com o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, 53 mil trabalhadores aderiram à paralisação.

O movimento foi convocado pelo sindicato e pela Central Única dos Trabalhadores (CUT). O presidente do sindicato do ABC, Wagner Santana, avaliou como positiva a participação da categoria. “Tivemos um número bem expressivo, o que mostra que a previdência é um tema importante para o trabalhador”, afirma Santana.

O sindicato representa 70 mil trabalhadores das cidades de São Bernardo do Campo, Diadema, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra.



Tags: Montadoras, metalúrgicos, sindicato, CUT, Wagner Santana.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência