Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Tecnologia | 15/02/2018 | 16h29

Grupo VW usará padrão WLANp em seus veículos

Rede de comunicação entre veículos e o ambiente ao redor trará mais segurança

REDAÇÃO AB

As marcas do Grupo VW usarão a partir de 2019 na Europa o padrão WLANp, já testado de forma abrangente para a comunicação entre veículos e também com o ambiente ao redor. A montadora acredita que a introdução da tecnologia como equipamento padrão em modelos de grande volume ou veículos comerciais vai melhorar de forma significativa a segurança nas estradas da Europa.

A sigla vem do inglês Wireless Local Area Network, rede local sem fio, em português. Independentemente da montadora, a comunicação entre os veículos e o ambiente ao redor será um fator-chave na redução de acidentes. As informações relevantes a cerca de 500 metros ao redor de um veículo são transmitidas em alguns milissegundos de um carro para outro ou partilhadas com a infraestrutura de tráfego.

O trânsito de caminhões em comboios sincronizados, também baseado na tecnologia, resultará não só no aumento da segurança como em economia de combustível. De acordo com o chefe de pesquisa e desenvolvimento do Grupo VW, Ulrich Eichhorn, todas as condições para a introdução da tecnologia foram atendidas. “Vamos melhorar significativamente a segurança viária em toda a Europa”, conclui.



Tags: VW, Grupo Volkswagen, WLANp, Ulrich Eichhorn.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência