Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

| 02/12/2008 | 00h00

ArvinMeritor aposta em avanço no mercado de reposição

As dificuldades enfrentadas pelo Brasil em razão da crise financeira global não comprometerão os resultados do mercado de reposição no fechamento do ano.

Automotive Business

As dificuldades enfrentadas pelo Brasil em razão da crise financeira global não comprometerão os resultados do mercado de reposição no fechamento do ano. Esta é a avaliação de Angelo Morino, diretor geral da Unidade Mercado de Reposição da ArvinMeritor, empresa de Osasco, SP, que produz peças para caminhões e ônibus e também atua no aftermarket em toda a América do Sul. Morino admite que a crise atingirá a economia, mas com impacto diferente para cada setor de atividade. No caso do aftermarket o efeito, no seu entender, será bem menos significativo do que em muitos outros segmentos. O executivo explica que a queda na venda de veículos historicamente é compensada por maiores investimentos em manutenção, levando à compra de autopeças e serviços de reparação. “É o que está acontecendo novamente neste final de ano” – assegura. Morino contabiliza um crescimento de 85% no faturamento da empresa nos últimos dois anos – um resultado bem acima da média do setor. Para o próximo ano ele aposta em um avanço de 25% e justifica seu otimismo com a expectativa de maior uso de transportes urbanos, safra em evolução e efeito das campanhas de manutenção preventiva promovidas pelas entidades relacionadas ao mercado de reposição. “A idade elevada da frota de caminhões e ônibus também obriga à manutenção. Além disso, os principais frotistas já aderiram à manutenção programada dos veículos novos” – assegura Morino.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência