Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 05/12/2017 | 19h00

Fras-le investirá US$ 5,1 milhões em joint venture na Índia

Acordo com ASK Automotive prevê produção de componentes para a região

REDAÇÃO AB

A fabricante de produtos de fricção Fras-le, que pertence às Empresas Randon, assinou na terça-feira, 5, um acordo de US$ 5,1 milhões com a ASK Automotive, da Índia, para a criação de uma joint venture para a produção de lonas e pastilhas de freio para veículos comerciais tanto para fornecer às montadoras quanto para o mercado de reposição. A nova empresa agora denominada ASK Fras-le Friction (Private Limited) será instalada em Manesar, em Haryana, e os produtos serão fornecidos na Índia, Bangladesh, Nepal e Sri Lanka. Também há planos de exportação para outros países por meio da Fras-le.

O aporte, que será feito por parte da Fras-le, será investido na operação da ASK, que já produz componentes para veículos comerciais. A Fras-le terá 51% de controle da nova empresa, que terá como foco o mercado de caminhões, ônibus e semirreboques nas categorias acima de 3,5 toneladas de PBT.

“Dentro de nosso grupo temos uma longa história de participação em joint ventures e acreditamos que esta será mais uma cooperação bem-sucedida”, disse David Abramo Randon, presidente das Empresas Randon.

“O mercado de veículos comerciais na Índia é muito grande e com enormes perspectivas de crescimento futuro e a Fras-le tem que fazer parte deste mercado, alinhado com nossos planos de crescimento e internacionalização”, afirma em nota o CEO da Fras-le, Sérgio de Carvalho.



Tags: Fras-le, joint venture, ASK Automotive, Índia.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência