Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Distribuição | 20/09/2017 | 11h20

Rede Lifan terá escadinha de SUVs no 1º semestre de 2018

Com X60, X70 e X80, concessionários querem crescer de 30% a 100%

MÁRIO CURCIO, AB | De Lijiang (China)

Os concessionários da rede Lifan no Brasil estão ansiosos para receber os novos utilitários esportivos que a marca chinesa pretende lançar no Brasil nos próximos meses. Se tudo correr como previsto, já no primeiro semestre de 2018 cada showroom terá uma escadinha de SUVs formada pelo veterano X60, lançado em 2013, que se juntará aos novos X70 (leia aqui) e X80.

Automotive Business falou com alguns concessionários brasileiros durante uma convenção da Lifan em Lijiang, na China. Com os novos produtos e o fim da sobretaxação a veículos importados, todos esperam alta significativa das vendas da marca no Brasil, com apostas que vão de 30% a 100% de crescimento. Terão a ajuda da nova versão automática CVT do X60, lançada há algumas semanas, e dos dois modelos inéditos.

“Minha expectativa é dobrar as vendas”, afirma Gabriel de Mello, da Átria, de Campinas (SP). Ele confia no aumento crescente da aceitação dos carros chineses e está certo da recuperação do mercado nacional. “Quem resistiu (à crise) agora vai colher os resultados”, diz Mello, que vende 20 a 30 carros Lifan por mês.

“Espero pelo menos 40% a mais nas vendas. Acredito muito nos X70 e X80. A Lifan buscou uma nova forma de trabalho e os SUVs são o único segmento que cresce de verdade”, recorda Clayton Coutinho, concessionário com lojas em Bauru e Jaú (SP). Ele vende 22 a 25 Lifan por mês.

Marcelo Campos, de Torres (RS), espera aumento semelhante: “Acredito em 30% a 40% de alta. Tenho uma grande expectativa pelo X80 por causa de seus sete lugares e da boa relação custo-benefício. Pelo X70 é por causa do design, acabamento e motorização. Acho que ele pode liderar o mercado de carros chineses”, arrisca o concessionário, que vende em média 15 Lifan por mês.

“Estamos bem animados também por causa do X60 com câmbio CVT e do X70. O consumidor brasiliense é jovem e adora novidades. E o X80 vai mudar o conceito do que a Lifan pode produzir”, afirma Eduarda Vasconcelos, da concessionária Suprema, no Distrito Federal.

“O X80 é mesmo o ‘filé’ do que virá nos próximos meses. E com o X70, que é moderno e diferenciado, fica fácil convidar os atuais donos de X60 a trocar de carro”, afirma Marcelo Cruz, da Ayra Motors, que começou com a Lifan em abril deste ano e já é o maior revendedor da cidade de São Paulo, com cerca de 50 unidades por mês na soma de três lojas.

A rede Lifan já chegou a 55 pontos, mas tem hoje 46. A maioria dos concessionários já atuava com usados e incorporou os Lifan em seu comércio. “Todos têm estrutura completa, com oficina. Minha intenção é chegar a 60 pontos até a metade de 2018”, afirma o diretor comercial Jair de Oliveira.

Os Lifan são produzidos em Chongqing, na China, e enviados em forma de kits parcialmente desmontados para o Uruguai, onde são montados e encaminhados para o Brasil. A operação uruguaia foi criada no fim da década anterior pela Effa Motors e assumida pela Lifan em 2013, quando passou a montar o X60.

Dois anos depois começou a fazer ali a picape utilitária Foison e o sedã pequeno LF 530. Esses dois e o X60 tiveram a produção interrompida no início de 2016 por causa da recessão. A montagem do utilitário esportivo foi retomada na metade deste ano e a do sedã, mais recentemente. A da caminhonete não terá volta pela baixa demanda.

Assista abaixo reportagem da ABTV sobre os novos SUVs da Lifan que chegarão no Brasil em 2018



Tags: Lifan, X60, X70, X80, Jair de Oliveira.

Comentários

  • Carlos Henry Jonathan

    Tenho um Lifan 530 Talent 2015. Carro muito bom e economica e totalmente completo, 5 rodas magnesio e banda larga, 4 freios a disco, etc. Faz na cidade 14 -15 e nas marginais e estrada 19 - 20 sem AC e com AC na estrada 18. Espera que LIFAN fabrica um SUV com este motor 1.5 Turbo, Hybrid seria um Super. Motores potentes de 2.0 sao bons, mas gastam. No Brasil no maximo motor de 1.8 Turbo e bom demais e se for possivel Hybrid.

  • Alexandre Del Porto

    Tenho um lifan x60 2017 mod. 2018 CVT . Acredito que o Diretor comercial Jair de Oliveira terá trabalhar muito para emplacar as vendas do X 60 cvt do X70 e X80 . Infelizmente meu X60 CVT o motor não corresponde nas subidas .

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência