NOTÍCIAS
06/09/2017 | 17h22

Mercado

Vendas crescem 7,3% este ano, prevê Anfavea

Entidade revisou para cima projeção de emplacamentos de veículos


PEDRO KUTNEY, AB

Megale: volta do crescimento e do otimismo
Com base nos resultados acima das expectativas, especialmente em agosto, a associação dos fabricantes de veículos, a Anfavea, elevou a projeção de vendas domésticas este ano. A entidade estima que serão emplacados no País em 2017 o total de 2,2 milhões de automóveis, utilitários, caminhões e ônibus, o que significará alta de 7,3% sobre os 2,05 milhões de 2016 – a previsão anterior, até julho, era de avanço mais tímido, de 4%, para 2,13 milhões. Para a Anfavea, a expansão será puxada pelos veículos leves, com elevação de 7,4%, porcentual perto de duas vezes maior que o esperado antes, para 2,13 milhões de unidades. Já para os modelos comerciais pesados a entidade cortou quase que pela metade sua estimativa de crescimento, de 6,4% para 3,6%, esperando 64 mil emplacamentos no ano inteiro – antes esperava por 65,6 mil.

-Veja os dados completos da apresentação da Anfavea aqui
-Veja mais dados da indústria aqui
-Veja outros estudos e estatísticas em AB Inteligência

“Tivemos boas notícias, que nos trazem mais otimismo”, justificou Antonio Megale, presidente da Anfavea. Agosto foi o melhor mês de vendas desde dezembro de 2015, com pouco mais de 216 mil emplacamentos e crescimento de 17,2% ante julho e de 17,8% em relação a agosto do ano passado. Com este resultado, os licenciamentos de veículos novos somados de oito meses, 1,42 milhão, resultam em expansão de 5,3% diante do mesmo intervalo de 2016.

Com o bom fluxo, os estoques voltaram para níveis considerados “ideais”. O volume de veículos à espera de compradores nos pátios das montadoras e concessionárias subiu levemente de 217,7 mil unidades em julho para 220,5 mil no fim do mês passado, mas como em agosto a demanda foi maior esse estoque era suficiente para o equivalente a 31 dias de vendas, contra 35 dias um mês antes.

INDICADORES DE ALTA

Megale reconheceu que agosto teve maior número de dias úteis (23) e que por isso será mais difícil alcançar o mesmo resultado nos meses seguintes até o fim do ano, todos com feriados prolongados. Contudo, o dirigente assinalou que a média diária de vendas também está em crescimento: foram 9.415 veículos emplacados por dia útil em agosto, a maior média do ano, à frente dos 9.284 registrados em junho. “É importante registrar que não tivemos média diária de emplacamentos acima de 9 mil em nenhum mês de 2016; este ano isso já aconteceu duas vezes”, ressalta.

Outro dado positivo destacado por Megale é que a virada para o campo positivo está acontecendo agora na maior parte do País. Segundo dados compilados pela Anfavea, de janeiro a março deste ano apenas três estados no Brasil (Alagoas, Minas Gerais e Roraima) registraram crescimento na média diária acumulada de emplacamentos naqueles três meses em comparação com o mesmo período do ano anterior. Agora, de janeiro a agosto, 22 dos 27 estados brasileiros anotaram alta nessa média de oito meses – somente Bahia, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Paraná e Rondônia seguiram no vermelho.

O presidente da Anfavea também apontou o volume de concessões de crédito ainda baixo como possível fator de expansão do mercado. Segundo ele, apenas 51% a 52% dos veículos vendidos atualmente são financiados. “Está abaixo do porcentual normal, mas é preciso lembrar que a inadimplência está caindo e a baixa da taxa Selic ainda não chegou totalmente nos juros. A combinação de inadimplência e juros em queda reduz os riscos e deve deixar os bancos mais dispostos a emprestar, o que ajudará a aumentar as vendas”, avalia.

“Esses indicadores mostram que o setor está se fortalecendo e voltando a crescer, por isso refizemos para cima as projeções”, disse Megale. “O crescimento esperado de 7,3% para o mercado interno este ano ainda é pequeno, mas torna-se expressivo após três anos seguidos de quedas”, pontuou.

Assista abaixo reportagem exclusiva da ABTV sobre a revisão das projeções da Anfavea e os resultados da indústria de janeiro a agosto deste ano


Comentários: 0
 

Comente essa notícia

Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de questões técnicas ou comerciais. Os comentários serão publicados após análise. É obrigatório informar nome e e-mail (que não será divulgado ao público leitor). Não são aceitos textos que contenham ofensas, palavras chulas ou digitados inteiramente em letras maiúsculas. Também serão bloqueados currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
Seu nome*: Seu e-mail*:

QUEM É QUEM NO SETOR AUTOMOTIVO

Encontre empresas e profissionais do setor.
Confira seus perfis e biografias.

Encontre empresas e profissionais do setor.

Encontre empresas e profissionais de comunicação.

Confira seus perfis e biografias.

COLUNISTAS

ALTA RODA | 22/11/2017
Frota brasileira de 42 milhões exige controle apropriado

Esta coluna é apoiada por:

Advertisement Advertisement Advertisement Advertisement
MERCADO | 16/01/2015
Utilização do potencial só deve melhorar a partir de 2016
AUTOINFORME | 09/11/2017
Luguez firmou parceria com o governo de Ohio
COMPETITIVIDADE | 08/04/2014
Interrupção do crescimento desafia fabricantes
Novas palavras, expressões e siglas podem levantar dúvidas sobre o futuro
QUALIDADE | 03/07/2017
Rota 2030 terá missão de levar a indústria automotiva nacional até o futuro
DE CARRO POR AÍ | 17/11/2017
Chineses entregam operação brasileira à administração dos brasileiros
QUALIDADE | 23/11/2016
Empresas do setor automotivo precisam atualizar sistema de qualidade até 2018
Indústria | 01/08/2016
Declaração do presidente da FCA evidencia crise no setor de autopeças
Pressão de montadoras adia controle de estabilidade obrigatório
Tecnologia | 13/03/2015
Setor enfrentará grandes mudanças nos próximos anos
INOVAÇÃO | 25/10/2017
Indústria precisa questionar qual será o seu papel no futuro
DISTRIBUIÇÃO | 03/08/2017
Marca percorreu caminho árduo e conseguiu destronar a Toyota da 1ª posição
Tecnologia | 23/07/2015
Novas ferramentas de desenvolvimento encurtam caminho para a competitividade