NOTÍCIAS
27/06/2017 | 19h46

Negócios

Daimler Trucks amplia contrato global com a Wabco

Fornecerá o novo controle de transmissão manual automatizada


REDAÇÃO AB

A Daimler Trucks ampliou seu contrato com a Wabco para o fornecimento a longo prazo do novo controle de transmissão manual automatizada (AMT, na sigla em inglês) a fim de sustentar a produção global dos caminhões das marcas do grupo, que inclui a Mercedes-Benz, principalmente na Europa, América do Norte, Japão e América do Sul. A nova geração da tecnologia, que funciona como o cérebro da transmissão, transforma um câmbio manual em automatizado, que passa a deslocar automaticamente as engrenagens e controla a atuação da embreagem no veículo.

Segundo a Wabco, a solução aumenta a economia de combustível por meio de uma mudança mais inteligente das marchas, ajudando também a reduzir significativamente o desgaste mecânico, os custos de manutenção e o tempo de inatividade do veículo.

“Nossa indústria continua a adotar tecnologia de transmissão manual automatizada com grande potencial de crescimento nos Estados Unidos e em países como o Brasil, Rússia, Índia e China”, disse em nota o presidente da Wabco para a divisão de fabricantes de equipamentos para veículos leves e pesados, Jorge Solis. “Nosso novo contrato com a Daimler Trucks estende o nosso contrato atual de fornecimento de AMT, ao mesmo tempo em que aumenta o volume”.

Para o diretor de marketing da Wabco na América do Sul, Alexandre Esgolmin, a ampliação do contrato global deverá fortalecer ainda mais a parceria da empresa com a montadora inclusive no Brasil. “A Wabco já é fornecedora da Daimler (Mercedes-Benz) no País da tecnologia atual de caixa automatizada e agora a nova geração, já introduzida na Europa, será utilizada pela empresa também no Brasil”, revela o executivo. Ele acrescenta que a tecnologia de caixa automatizada vem aumentando cada vez mais sua demanda no mercado brasileiro. “A Wabco já possui parceria com várias montadoras no Brasil para o fornecimento, portanto, naturalmente também fornecerá a próxima geração desse sistema, que permite aumentar o conforto e a segurança do condutor, melhorar a economia de combustível e reduzir as emissões”, destaca.

Em todo o mundo, a Wabco já vendeu 3,5 milhões de sistemas AMT.

Comentários: 1
 

Jefferson
28/06/2017 | 20h17
As transmissões e componentes atualmente fornecidos pela Eaton serão substituídos pelos da Wabco ?

Comente essa notícia

Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de questões técnicas ou comerciais. Os comentários serão publicados após análise. É obrigatório informar nome e e-mail (que não será divulgado ao público leitor). Não são aceitos textos que contenham ofensas, palavras chulas ou digitados inteiramente em letras maiúsculas. Também serão bloqueados currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
Seu nome*: Seu e-mail*:

QUEM É QUEM NO SETOR AUTOMOTIVO

Encontre empresas e profissionais do setor.
Confira seus perfis e biografias.

Encontre empresas e profissionais do setor.

Encontre empresas e profissionais de comunicação.

Confira seus perfis e biografias.

COLUNISTAS

ALTA RODA | 22/11/2017
Frota brasileira de 42 milhões exige controle apropriado

Esta coluna é apoiada por:

Advertisement Advertisement Advertisement Advertisement
Indústria | 01/08/2016
Declaração do presidente da FCA evidencia crise no setor de autopeças
Pressão de montadoras adia controle de estabilidade obrigatório
Tecnologia | 13/03/2015
Setor enfrentará grandes mudanças nos próximos anos
DE CARRO POR AÍ | 24/11/2017
Renault pode produzir no Brasil o novo Niva em 2021
INOVAÇÃO | 25/10/2017
Indústria precisa questionar qual será o seu papel no futuro
DISTRIBUIÇÃO | 03/08/2017
Marca percorreu caminho árduo e conseguiu destronar a Toyota da 1ª posição
Tecnologia | 23/07/2015
Novas ferramentas de desenvolvimento encurtam caminho para a competitividade
MERCADO | 16/01/2015
Utilização do potencial só deve melhorar a partir de 2016
AUTOINFORME | 09/11/2017
Luguez firmou parceria com o governo de Ohio
COMPETITIVIDADE | 08/04/2014
Interrupção do crescimento desafia fabricantes
Novas palavras, expressões e siglas podem levantar dúvidas sobre o futuro
QUALIDADE | 03/07/2017
Rota 2030 terá missão de levar a indústria automotiva nacional até o futuro
QUALIDADE | 23/11/2016
Empresas do setor automotivo precisam atualizar sistema de qualidade até 2018