Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Internacional | 05/04/2017 | 19h25

PSA se reúne com ministra alemã para tratar de Opel

CEO Carlos Tavares expõe planos de integração entre as marcas
REDAÇÃO AB

A ministra da economia e de energia da Alemanha, Brigitte Zypries, presidiu uma reunião que tratou da compra da Opel pelo Grupo PSA, com a presença do CEO da montadora francesa, Carlos Tavares. O encontro, realizado em Berlim na quarta-feira, 5, também contou com representantes do sindicato dos metalúrgicos IG Metal, dos comitês de empresa da Opel/Vauxhall, e de outros representantes do governo federal alemão e dos estados, além do secretário geral da PSA, Olivier Bourges.

No encontro, o presidente Carlos Tavares demonstrou de que maneira a operação contribuiria para o grupo ganhar mais participação em cada um dos mercados-chave da Europa. “Nesta reunião, pude enfatizar a ambição do Grupo PSA de fazer da qualidade das relações com os representantes dos empregados a chave do sucesso da empresa”, declarou o executivo em nota.

Os participantes também abordaram alguns itens a serem tratados ao longo do processo de integração: estabelecer um diálogo baseado na confiança e na transparência entre a administração das duas empresas e com o comitê de empresa da Opel/Vauxhall, as organizações sindicais e as outras partes interessadas; avaliar o impacto da aquisição sobre os acordos já existentes, assim como sobre as garantias em termos de proteção das unidades de produção e dos empregos, prosseguir a gestão da Opel/Vauxhall pelo Grupo PSA como empresa singular com marcas independentes; trabalhar em conjunto com as organizações sindicais e com os comitês de empresa para garantir a viabilidade no longo prazo das marcas Opel/Vauxhall, das unidades de produção e dos centros de P&D na Europa.

“Estou muito satisfeita com os progressos que conseguimos obter, no interesse dos empregados da Opel/Vauxhall. Saúdo particularmente o compromisso de Carlos Tavares de respeitar os acordos existentes. O governo federal e os estados continuarão a fornecer um apoio construtivo ao projeto de integração entre o Grupo PSA e a Opel/Vauxhall”, disse a ministra Zypries.

Por sua vez, o presidente do sindicato IG Metall, Jörg Hofmann declarou: “O sindicato deseja que Carlos Tavares trabalhe em colaboração com a GM para garantir que todas as exigências legais sejam respeitadas e que as convenções coletivas existentes possam continuar a ser aplicadas e cumpridas”.

“Tão logo as condições jurídicas o permitam, acertamos com Carlos Tavares que a IG Metall, o comitê empresarial da Opel e as direções do Grupo PSA e da Opel se reunirão para discutir o futuro da empresa”, disse Lothar Sorger, responsável-adjunto do comitê empresarial da Opel.

Tags: PSA, Opel, Carlos Tavares, Alemanha.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência