Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Vendas de pneus recuaram 1,6% em 2016

Balanço | 06/03/2017 | 15h05

Vendas de pneus recuaram 1,6% em 2016

Exportações atenuaram queda nos negócios com mercado interno

REDAÇÃO AB

As vendas totais de pneus em 2016 somaram 70,7 milhões de unidades, registrando pequena queda de 1,6% em relação a 2015. A retração no fornecimento às montadoras (-9,2%) e ao mercado de reposição (-1,8%) foi atenuada pelo crescimento de 7,7% nas exportações. Os números foram divulgados pela Anip, entidade que reúne fabricantes do setor instalados no Brasil.

O fornecimento às montadoras teve queda generalizada, atingindo os segmentos de veículos de passeio, carga e motocicletas. A retração mais acentuada, de 29,5%, ocorreu para o setor de duas rodas. Na reposição houve pequena alta de 3,1% no segmento de carga, mas a média geral foi especialmente prejudicada pelo recuo de 6,7% no segmento de motos. Com o crescimento nas exportações, o saldo na balança comercial de pneus foi de US$ 431,3 milhões.

A produção total de pneus no Brasil somou 67,9 milhões de unidades e registrou queda de 1,1% ante 2015. A Anip se queixa do aumento da alíquota do imposto de importação da borracha natural de 4% para 14% ocorrido em outubro de 2016, que prejudica a competitividade do produto nacional.

Segundo a entidade, toda a produção local da borracha é consumida internamente e não atende à demanda da indústria. “O setor espera que a medida seja revista na próxima reunião da Camex”, afirma o presidente executivo da Anip, Klaus Curt Müller, referindo-se à Câmara de Comércio Exterior.

Veja abaixo o estudo da Anip, que também detalha o 4º trimestre de 2016:



Elaboração e fonte: Anip



Tags: Pneus, Anip, veículos de passeio, veículos de carga, motos, motocicletas, Klaus Curt Müller.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência