Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Internacional | 21/02/2017 | 18h32

PSA avança em negociações para compra da Opel

Montadoras se reúnem com sindicato a fim de garantir diálogo com funcionários

REDAÇÃO AB

Em mais uma ofensiva sobre a potencial compra da Opel pelo Grupo PSA, o presidente mundial da companhia, Carlos Tavares, e o diretor mundial de RH do grupo, Xavier Chéreau, se reuniram na segunda-feira, 20, com o presidente do sindicato europeu IG Metall, Jörg Hofman, e com o presidente do conselho europeu empresarial da Opel, Wolfgang Schäfer-Klug, para tratar dos assuntos relacionados à recuperação da empresa, bem como do futuro dos seus funcionários.

Os executivos trataram dos impactos da aquisição da Opel/Vauxhall pelo Grupo PSA com base nos acordos existentes, que tratam basicamente da proteção das fábricas e das garantias de empregos. Em nota, a PSA reafirmou que respeitará os acordos existentes em todos os países europeus onde a Opel está presente e que pretende ainda cooperar de forma estreita com todas as representações de pessoal da Opel e do IG Metall.

“Este compromisso e o acordo de prosseguir as negociações constituem a base das futuras discussões com o Grupo PSA. Durante nossa conversa, Carlos Tavares se expressou com convicção e nos mostrou seu interesse pelo desenvolvimento duradouro da Opel/Vauxhall enquanto empresa independente. Nós, representantes dos funcionários da empresa, compartilhamos essa visão. Estamos prontos para explorar as oportunidades de uma aproximação potencial”, declarou Wolfgang Schäfer-Klug, da IG Metall.

“O Grupo PSA tem a clara ambição de fazer da construção conjunta e da qualidade das relações com as organizações sindicais uma vantagem competitiva e um fator essencial no sucesso da empresa. Enquanto precursor da construção conjunta na França, o Grupo PSA já está adequado ao modelo de cogestão que prevalece na Alemanha. A maturidade do diálogo no seio do Grupo PSA possibilitou a assinatura, em julho de 2016, do acordo “Nouvel Elan pour la Croissance” (“Novo Impulso para o Crescimento”), com 5 das 6 organizações sindicais, representando 80% dos funcionários”, disse o presidente Carlos Tavares.



Tags: PSA, Opel, IG Metall, Carlos Tavares.

Comentários

  • Silvio Luis Capuzzo

    A Opel, que ajudou a GM do Brasil a gerar bons frutos como o Opala, Chevette, Kadett, Monza, Astra, Vectra, Corsa, Zafira, foi deixada de lado pelo grupo GM. Quem sabe com a PSA, ela volte a ser uma grande fabricante de sucessos. Boa Sorte Opel.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência