Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Citroën leva Aircross conceitual a Genebra
Novo modelo mede 4,15 m e tem rodas de 18 polegadas

Lançamentos | 08/02/2017 | 13h00

Citroën leva Aircross conceitual a Genebra

Modelo substitui C3 Picasso europeu e pode originar novo SUV nacional

REDAÇÃO AB

A Citroën levará ao Salão de Genebra (de 9 a 19 de março) o C-Aircross Concept, utilitário esportivo compacto. Com 4,15 metros, ele substitui na Europa o C3 Picasso, que deu origem ao Aircross fabricado no Brasil e que também foi produzido em Porto Real (RJ). Isso é um indício de que pode substituir o modelo nacional.

O novo conceito explora o espaço interno com porta-objetos longos nas portas dianteiras e traseiras. Estas se abrem ao contrário e não há coluna central. No entanto, é pouco provável que o carro para produção em série adote essa solução. Os bancos do modelo também ajudam a ampliar o espaço interno por estar fixados ao assoalho em apoios mais altos e estreitos.

O C-Aircross Concept traz teto solar panorâmico e painel com duas telas de cristal líquido, uma no lugar do quadro de instrumentos (velocímetro, conta-giros) e outra ao centro, reunindo a central multimídia aos comandos do ar-condicionado e de outras funções. As rodas têm 18 polegadas. A Citroën não cita os motores, mas uma versão turbo do 1.2 Puretech daria conta do recado.

Uma renovação como esta traria novo fôlego ao SUV compacto fabricado pela PSA. O Citroën Aircross foi lançado no Brasil em 2010 e teve seu melhor ano em 2011, com 16,7 mil unidades emplacadas. Com o aumento da concorrência e o início da crise, suas vendas recuaram para apenas 4,7 mil carros em 2015. No fim daquele ano passou por atualizações técnicas e de estilo que resultaram em 7,3 mil unidades em 2016.


Interior do C-Aircross Concept tem bom espaço e porta-objetos grandes. Portas traseiras “suicidas” e ausência de coluna central não devem fazer parte do modelo a ser produzido em série



Tags: Citroën, Aircross, C-Aircross, C3 Picasso, Salão de Genebra.

Comentários

  • Antônio Mello

    Uma pena a retirada do Picasso C4 SXARA. Carro seguro, porta malas sem comparação, muita tecnologia, potente e preço excelente. Talvez alguma alteração estética e cosmética seriam suficientes para levantar as vendas, mas como não sabemos o que se passa nas cabeças do marketing e vendas e retiraram o carro do mercado, sem substituto à altura. Vamos esperar que este novo modelo seja fabricado com o mesmo conceito do Picasso.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência