Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Trabalho | 16/12/2016 | 18h37

Mitsubishi põe fim à greve em Catalão

Metalúrgicos conseguiram 8,5% de reajuste e abono de R$ 3,5 mil

REDAÇÃO AB

Terminou na quinta-feira, 15, a greve geral realizada na fábrica da Mitsubishi, em Catalão (GO). Segundo o sindicato local, a montadora atendeu às reivindicações dos metalúrgicos e concedeu para o acordo coletivo 2016/2017 um reajuste salarial de 8,5%. Em janeiro serão aplicados 6% e em maio entram os 2,5 pontos porcentuais restantes.

Os trabalhadores também conseguiram abono de R$ 3,5 mil. O piso salarial e o cartão-alimentação também tiveram alta de 8,5% e passaram para R$ 1.573,25 e R$ 358,05, respectivamente. Ainda de acordo com o sindicato, os trabalhadores terão estabilidade entre 1° de janeiro e 31 de março.

A Mitsubishi deve terminar o ano com 24,6 mil unidades e queda de cerca de 40% em relação ao ano passado. Até 2014 a fabricante vinha registrando boas marcas no País, próximas a 60 mil unidades, e empregava cerca de 4 mil trabalhadores.

Com os dois anos seguidos de retração do mercado (2015 e 2016), o quadro foi reduzido para cerca de 2,5 mil trabalhadores, segundo a Mitsubishi.



Tags: Greve, Mitsubishi, Catalão, sindicato, metalúrgicos.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência