Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Autopeças | 15/12/2016 | 17h34

Continental espera ter prejuízo com carro elétrico

Empresa projeta perder até 2019 com componentes para veículos zero emissão

REDAÇÃO AB

A sistemista alemã Continental admite que deve acumular prejuízos com a produção de componentes para carros elétricos até 2019. Esta é a expectativa anunciada pelo CEO da companhia, Elmar Degenhart, à revista alemã WirtschaftsWoche. O executivo espera que a transição do motor a combustão para o elétrico só aconteça de forma mais consistente entre 2025 e 2030. Até lá, portanto, a empresa precisará investir para fornecer baixo volume de componentes com a tecnologia.

“O custo de desenvolvimento é o maior desafio da nossa indústria”, declarou à publicação. No mês passado a empresa confirmou que vai aumentar os aportes no desenvolvimento de componentes para carros elétricos nos próximos anos. A companhia aplicou € 1 bilhão em sua divisão de eletromobilidade nos últimos anos, calcula o executivo. Segundo ele, a empresa já fechou contratos de fornecimento em grandes mercados da Ásia, Américas e Europa.



Tags: Continental, carro elétrico, tecnologia.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência