Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Grupo VW chega a 8,5 milhões de unidades

Balanço | 16/11/2016 | 18h05

Grupo VW chega a 8,5 milhões de unidades

Vendas mundiais da companhia até outubro registram alta de 2,6%

REDAÇÃO AB

As vendas mundiais do Grupo VW atingiram no acumulado até outubro 8,5 milhões de unidades, registrando alta de 2,6% sobre o mesmo período do ano passado. O crescimento é motivado, sobretudo, pelos bons resultados na Ásia e Europa. O continente americano continua puxando os números da companhia para baixo.

De janeiro a outubro o Grupo VW entregou na América do Norte 762,4 mil unidades, queda de 1,4% ante o mesmo período de 2015. Nos Estados Unidos, onde a companhia sente os efeitos do dieselgate, os 473 mil veículos entregues pelo Grupo VW resultaram em queda mais acentuada, de 6,4%.

Na América do Sul foram entregues 349,6 mil veículos do grupo, resultando em queda de 27,7%. O maior responsável pelo quadro é o Brasil, onde as 211,6 mil unidades vendidas até outubro resultaram em queda de 37,3% em relação ao mesmo período de 2015.

A Europa absorveu 3,5 milhões de veículos do grupo e cresceu 3,3%. A porção ocidental do continente adquiriu 2,98 milhões de veículos do grupo e registrou alta de 2,7%. As Regiões Central e Leste do continente responderam por 539,6 mil unidades e alta de 6,5% sobre os mesmos dez meses de 2015. Na Rússia, os 135,2 mil veículos resultaram em pequena queda de 5%, mas sobre uma base bastante fraca.

Em toda a Ásia-Pacífico foram entregues 3,5 milhões de unidades, acréscimo de 8,9% sobre os mesmos dez meses de 2015. Do total, 3,22 milhões foram vendidos na China, que cresceu 11,3%.

DESEMPENHO POR MARCA

No acumulado do ano, a Volkswagen entregou 4,89 milhões de automóveis e cresceu 1%. Com 1,56 milhão, a Audi registrou alta de 4,2%. A tcheca Skoda chegou a 938,8 mil veículos e cresceu 6,7% sobre igual período de 2015. Já a espanhola Seat mantém fracos volumes, com 345,6 mil veículos até outubro e discreta alta de 1,8%.

A fabricante de esportivos Porsche já não exibe o vigor mostrado no início das vendas do Cayman, mas ainda assim entregou 198,1 mil veículos em todo o mundo e cresceu 3,3% sobre o mesmo período de 2015.

Com 390,9 mil unidades, a divisão de veículos comerciais cresceu quase 10% no período. A fabricante Scania entregou 66,1 mil veículos pelo mundo e anotou alta de 5%. Já a MAN, com 82,8 mil unidades, apontou pequeno recuo de 1,6%.

Veja abaixo os números do Grupo Volkswagen:




Fonte: Grupo Volkswagen



Tags: VW, Volkswagen, Audi, Seat, Skoda, Porsche, Scania, MAN.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência