Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Trabalho | 18/10/2016 | 12h23

Termina greve de duas semanas na Volvo

Metalúrgicos aceitaram proposta da montadora com bônus de R$ 5 mil

MÁRIO CURCIO, AB

Terminou a greve que atingia a produção de caminhões e chassis para ônibus da Volvo desde a terça-feira, 4. Os trabalhadores da fábrica instalada em Curitiba (PR) aceitaram a proposta de conciliação feita pela empresa e votada em caráter secreto. Eles receberão abono líquido de R$ 5 mil como forma de compensar o reajuste de apenas 50% da inflação medida pelo INPC, Índice Nacional de Preços ao Consumidor.

Também concordaram com a postergação da discussão da data-base para setembro de 2017 e aceitaram o reajuste de 9,62% no vale-alimentação (de R$ 419 para R$ 460).

A greve teve início porque os trabalhadores haviam recusado num primeiro momento o reajuste de 50% do INPC. Por motivo semelhante os metalúrgicos da Scania entraram em greve na segunda-feira, 18 (veja aqui).

A fábrica de Curitiba emprega cerca de 3,2 mil trabalhadores, sendo 1,8 mil na produção. Segundo o sindicato, antes da greve eram montados a cada dia 35 caminhões pesados, 12 caminhões médios e 5 ônibus.



Tags: Volvo, greve, fábrica, metalúrgicos, Curitiba, caminhões, ônibus, Scania.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência