Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Exportação de veículos segue tendência positiva

Indústria | 06/10/2016 | 17h01

Exportação de veículos segue tendência positiva

Mas interrupção na operação da VW afetou resultado de setembro

GIOVANNA RIATO, AB

As exportações de veículos permanecem como a saída para a indústria nacional em mais ano de forte contração no mercado interno. A Anfavea, associação que representa as montadoras, aponta que houve aumento de 19,2% nos volumes vendidos a outros países entre janeiro e setembro, para 351,1 mil unidades. Com o resultado, as fabricantes se aproximam da meta de vender 507 mil veículos nacionais em outros países em 2016.

-Veja aqui os dados da Anfavea
-Leia também: Confira os resultados da indústria até setembro


Em setembro estes negócios somaram 38,7 mil automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus. O volume é 15,8% maior do que o registrado no mesmo mês do ano passado, mas fica 3,5% abaixo do anotado em agosto. Mais uma vez, a interrupção na produção das fábricas brasileiras da Volkswagen atrapalhou a performance da indústria. A montadora, maior exportadora de carros do Brasil, teve problemas com a entrega de componentes de alguns fornecedores e só começou a retomar a operação no dia 16 de setembro (leia aqui). “Nos próximos meses deve acontecer aumento das exportações para compensar as entregas atrasadas”, projeta Antonio Megale, presidente da Anfavea.

Entre os segmentos, o maior incremento no acumulado do ano foi o de ônibus, com alta de 33,8% e 6,9 mil chassis negociados em outros mercados. As entregas de veículos leves subiram 20%, para 328,9 mil unidades de janeiro a setembro. Já as vendas internacionais de caminhões permaneceram praticamente estáveis, com leve baixa de 0,7%, para 15,2 mil veículos.

Enquanto o volume de exportações aumenta, o faturamento com estes negócios diminui. Houve redução de 3,2% nos primeiros nove meses do ano, para US$ 7,69 bilhões. O montante inclui veículos, máquinas e até peças de reposição vendidas pelas montadoras em outros mercados. Em setembro as exportações brasileiras somaram US$ 991,4 milhões, com aumento de 7,8% sobre agosto e de 18,4% na comparação com o registrado há um ano.

“Houve mudança no mix exportado. Até o fim do ano devemos chegar ao resultado que tivemos no ano passado”, estima Megale. Em 2015 a indústria somou US$ 10,95 bilhões em receitas obtidas no mercado internacional.

Assista abaixo a cobertura da ABTV sobre o desempenho da indústria até setembro



Tags: exportação, veículos, indústria, Anfavea.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também