Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado | 15/08/2016 | 19h35

Mercedes tira proveito do consórcio

Montadora vendeu 1,3 mil cotas para veículos comerciais em dez meses

REDAÇÃO AB

O Consórcio Mercedes para caminhões e veículos comerciais leves teve 1,3 mil cotas vendidas em dez meses. Desse total, 900 referem-se aos três primeiros grupos lançados em outubro, que foram liquidados em junho. As demais 400 cotas são de dois novos grupos lançados recentemente.

“Por causa do sucesso dos três primeiros grupos lançamos mais dois planos para caminhões e vans que trazem uma novidade, o lance fixo decrescente”, ressalta Ari de Carvalho, diretor de vendas e marketing de caminhões da Mercedes-Benz do Brasil.

“Com o passar do tempo o valor do lance fixo diminui e o cliente passa a contar com uma possibilidade de contemplação que requer baixo aporte de capital. No início esse lance é de 30%, chegando a até 10% após 60 meses.”

Carvalho informa ainda que o consórcio também é oferecido agora para veículos da SelecTrucks, rede de seminovos com site próprio e duas lojas, uma recém-inaugurada em Betim (MG, leia aqui).

De janeiro a abril o número de participantes em consórcios de caminhões, ônibus, implementos e tratores cresceu 7,4% ante os mesmos meses de 2015, mas a venda de novas cotas recuou 17,5%, segundo a Associação Brasileira das Administradoras de Consórcios (Abac, leia aqui).

Veja em detalhes os dois novos planos Mercedes:

- Plano Hora do Consórcio Flex: cotas de R$ 122 mil a R$ 245 mil, para veículos das linhas Sprinter, Vito, Accelo e Atego.
- Plano Hora do Consórcio Top: créditos de R$ 257 a R$ 512 mil, para os caminhões Atego, Axor e Actros.

Os dois têm, como principais características, opções de pagamento de 24 a 96 meses, menores taxas de administração do mercado, especialmente no caso do Plano Top, contemplações por sorteio, lance livre e fixo, lance livre embutido de 10% (Flex) ou 20% (Top) do valor da carta de crédito.

Há opção de diluição de 50% do lance livre em parcelas a vencer, parcelamento do lance livre em até quatro vezes, lance fixo decrescente de 30% a apenas 10%.

O consórcio para usados da Mercedes-Benz é administrado pela Rodobens. São oferecidos grupos com três faixas de crédito, entre R$ 105 mil e R$ 512 mil. As taxas de administração variam de acordo com a faixa de crédito e o prazo de contratação. Para o parcelamento máximo de 96 meses elas são de 0,12 a 0,15% ao mês.

Os planos vão de 24 a 96 meses, com parcelas a partir de R$ 1.509,43. Os créditos estão entre R$ 122.430 e R$ 512.262,28. As cartas de crédito, quando contempladas, podem ser utilizadas para veículos usados com até sete anos, também em modelos novos e para compra de mais de um veículo.



Tags: Mercedes, Mercedes-Benz, consórcio, Ari de Carvalho, SelecTrucks.

Comentários

  • Carlos Alberto

    Reportagem muito boa

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência