NOTÍCIAS
22/06/2016 | 17h38

Sustentabilidade

Volkswagen diminui produção de lixo no Paraná

Montadora reduziu em 80% o volume enviado para aterro industrial


REDAÇÃO AB

A Volkswagen destaca ter reduzido o impacto ambiental da planta paranaense de São José dos Pinhais. Ao firmar parceria com uma fabricante de cimento, a unidade diminuiu em 80% o envio de resíduos para aterro industrial. Desde o fim de 2015, 15 toneladas de lodo são enviadas mensalmente à cimenteira, que usa o material que seria descartado em seu processo produtivo. Os resíduos vêm de esgoto sanitário (dos banheiros, vestiários e cozinha), e industrial (gerado no processo produtivo).

Segundo a Volkswagen, a solução foi encontrada depois de profunda pesquisa dos engenheiros da fábrica em busca de redução dos envios para aterros. Os efluentes da planta são encaminhados para estação de tratamento de esgoto dentro da unidade. Ali o material passa por processo físico, químico e biológico para que as bactérias acelerem a decomposição e gerem o lodo que pode ser usado na produção de cimento.

O subproduto é encaminhado à Balsa Nova, cimenteira com quem a Volkswagen firmou parceria. O material é misturado e passa a servir de combustível para os fornos usados na fabricação do cimento. A montadora garante que todo o processo é certificado por órgãos ambientais.

Além do lodo, outros resíduos são reaproveitados, como borra de tinta, cola, polímeros e borracha. Há ainda os materiais recicláveis, como sucata metálica, papel e vidros. Segundo a Volkswagen, a fábrica paranaense recicla ou reutiliza 98% de todo o lixo gerado.

Comentários: 0
 

Comente essa notícia

Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de questões técnicas ou comerciais. Os comentários serão publicados após análise. É obrigatório informar nome e e-mail (que não será divulgado ao público leitor). Não são aceitos textos que contenham ofensas, palavras chulas ou digitados inteiramente em letras maiúsculas. Também serão bloqueados currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
Seu nome*: Seu e-mail*:

QUEM É QUEM NO SETOR AUTOMOTIVO

Encontre empresas e profissionais do setor.
Confira seus perfis e biografias.

Encontre empresas e profissionais do setor.

Encontre empresas e profissionais de comunicação.

Confira seus perfis e biografias.

COLUNISTAS

ALTA RODA | 21/06/2017
Competições aceleram indústria automobilística desde o século 19

Esta coluna é apoiada por:

Documento sem título
Advertisement Advertisement
AUTOINFORME | 21/06/2017
Marca cresce quase 10% em ano de mercado estável
DE CARRO POR AÍ | 14/06/2017
Exposição automobilística argentina cresce e aparece
INOVAÇÃO | 01/06/2017
Desordem pode fazer com que iniciativas de inovação fracasssem
QUALIDADE | 15/05/2017
Iniciativa tem potencial para melhorar a qualidade de vida da população
Negócios | 08/03/2017
Tecnologia faz parte da receita para sair da crise
QUALIDADE | 23/11/2016
Empresas do setor automotivo precisam atualizar sistema de qualidade até 2018
DISTRIBUIÇÃO | 09/08/2016
Crise pode reduzir negócios no pós-venda ou ser oportunidade para manter clientes mais próximos
Indústria | 01/08/2016
Declaração do presidente da FCA evidencia crise no setor de autopeças
Pressão de montadoras adia controle de estabilidade obrigatório
Tecnologia | 23/07/2015
Novas ferramentas de desenvolvimento encurtam caminho para a competitividade
Tecnologia | 13/03/2015
Setor enfrentará grandes mudanças nos próximos anos
MERCADO | 16/01/2015
Utilização do potencial só deve melhorar a partir de 2016
COMPETITIVIDADE | 08/04/2014
Interrupção do crescimento desafia fabricantes