Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Produção da Volvo permanece parada em Curitiba

Trabalho | 13/05/2016 | 16h50

Produção da Volvo permanece parada em Curitiba

Metalúrgicos recusam PDV e mantêm protesto contra iminência de demissões

REDAÇÃO AB

A produção da Volvo em Curitiba permanece parada desde a terça-feira, 10, em protesto contra a iminência de 400 demissões. Os 3,2 mil trabalhadores tentam negociam com a montadora um Plano de Demissão Voluntária (PDV) mais vantajoso e formas alternativas de evitar cortes.

Nova assembleia foi marcada para a manhã de segunda-feira, 16. Na quinta, dia 12, os trabalhadores recusaram uma proposta de PDV da Volvo para adesão até 31 de maio que oferecia, entre outros itens, de 1,5 a 4 salários conforme o tempo de casa, pagamento de aviso prévio, verbas rescisórias (com garantia de R$ 15 mil), adiantamento da Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e isenção de Imposto de Renda.

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba, a Volvo pretende desligar ainda neste mês 250 do total de 400 funcionários que quer cortar.



Tags: Volvo, sindicato, metalúrgicos, PDV, PLR.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência